• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.82.2004.tde-19012005-103055
Documento
Autor
Nome completo
Rosemary Aparecida de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2004
Orientador
Banca examinadora
Plepis, Ana Maria de Guzzi (Presidente)
Assis, Odilio Benedito Garrido de
Martins, Virginia da Conceicao Amaro
Título em português
Avaliação do efeito antimicrobiano in vitro de quitosana e da associação quitosana/clorexidina sobre saliva e Streptococcus mutans
Palavras-chave em português
atividade antimicrobiana
clorexidina
quitosana
saliva
Streptococcus mutans
Resumo em português
Saliva e Streptococcus mutans foram utilizados neste estudo para avaliar a atividade antimicrobiana da quitosana associada à clorexidina. Os testes de atividade antimicrobiana foram realizados utilizando-se soluções de quitosana e quitosana:clorexidina preparadas em ácido acético 1%, em diversos valores de pH (3,5-5,0) e valores de concentração variando entre 0,1 e 1,5% (m/v). Antes de cada experimento o pH da solução estoque de quitosana (grau de desacetilação 76% e massa molar 400.000 g/mol) foi ajustado até o pH desejado pela adição de NaOH. A atividade antimicrobiana aumentou com o pH, com a concentração, com o tempo de exposição e com a associação quitosana/ clorexidina. Aumentando-se a concentração de clorexidina não se observam efeitos significativos, indicando que em presença de quitosana é possível liberar este composto em concentrações menores, o que irá minimizar os efeitos colaterais indesejados de pigmentação e sensação de alteração de sabor
Título em inglês
Evaluation of in vitro antimicrobial effect of chitosan and chitosan/chlorhexidine on saliva and Streptococcus mutans
Palavras-chave em inglês
antimicrobial activity
chitosan
chlorhexidine
saliva
Streptococcus mutans
Resumo em inglês
Saliva and Streptococcus mutans were used to evaluate antimicrobial activity of chitosan/chlorexidine solutions. Antimicrobial tests were conducted using chitosan and chitosan/ chlorexidine solutions in 1.0 % acetic acid solution, at various pH values (3.5-5.0) and concentrations ranging from 0.1 to 1.5% (w/v). Prior to each experiment, chitosan (DA 76%, 400.000 g/mol) stock solution pH was adjusted to the desired pH using NaOH. The antimicrobial activity increased with pH, concentration, exposition time and with the association of chitosan and chlorexidine. Increasing the concentration of chlorexidine did not have a significant effect indicating that in presence of chitosan it is possible to deliver this compound at a lower concentration which will avoid unwanted side effects including staining and altered taste sensations
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2005-06-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.