• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.82.2007.tde-14022008-092333
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda Guzzo Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2007
Orientador
Banca examinadora
Frade, Marco Andrey Cipriani (Presidente)
Foss, Norma Tiraboschi
Salgado, Cláudio Guedes
Título em português
Avaliação da neuropatia na hanseníase por estesiometria eletrônica
Palavras-chave em português
Alteração de sensibilidade
Estesiômetro eletrônico
Hanseníase
Monofilamentos Seemes- Weinstein
Resumo em português
A hanseníase é uma das causas mais comuns de neuropatia periférica não traumática no mundo. O estudo propõe um método eletrônico não invasivo de avaliação da sensibilidade em paciente com hanseníase, comparando-os aos monofilamentos Semmes-Weinstein (convencional). Foram avaliados 30 pacientes do Ambulatório de Dermatologia do HCFMRP-USP pelos métodos eletrônico e convencional, consecutivamente. Cada paciente foi avaliado nos pontos das mãos e dos pés preconizados pelo Ministério da Saúde para avaliação de sensibilidade. Cada ponto foi mensurado pelo estesiômetro eletrônico 5 vezes, e posteriormente calculada a média das 3 medidas mais próximas. Para avaliar a variabilidade entre essas medidas, calculou-se o coeficiente de correlação intraclasse (ICC) cujo resultado foi aproximadamente 1 em todos os pontos, demonstrando repetibilidade dos mesmos. Através do coeficiente Kappa observou-se concordância entre os métodos estudados quanto às categorias (sensibilidade alterada e não-alterada), havendo concordância em mais de 75% e 63% nos pontos das mãos e dos pés, respectivamente. A porcentagem da concordância entre os 2 métodos observada nos 7 pontos da mão direita foi em média (somatório do percentual de valores concordantes de cada ponto divididos pelo número de pontos) 77,14% dos casos. Na mão esquerda a média de concordância foi de 75,71%. Nos 10 pontos do pé direito a média de concordância na avaliação de sensibilidade alterada e não alterada foi de 74,33%. Dos casos discordantes houve predominância (90,91% em média) de detecção de alteração de sensibilidade pelo estesiômetro eletrônico sem que os monofilamentos as detectasse. Nos 10 pontos do pé esquerdo, a concordância na avaliação foi em média 63,66% . Dos casos discordantes houve predominância (84,25% em média) de detecção de alteração de sensibilidade pelo estesiômetro eletrônico sem que os monofilamentos as detectasse, afinal, para os mesmos casos eles registraram sensibilidade não-alterada, portanto, normal. Apesar da concordância entre os pacientes com sensibilidades alterada e não-alterada pelo método Kappa, ao tratar-se de valores absolutos, os métodos foram diferentes. Essas diferenças entre seus valores podem ser atribuídas às particularidades de cada método, tais como espessura da superfície de contato a ser avaliada e o tipo de variável envolvida. Não se pode afirmar qual dos métodos é mais eficaz na detecção da alteração de sensibilidade do paciente com hanseníase, porém acredita-se nos resultados obtidos pelo estesiômetro eletrônico devido à metodologia criteriosa utilizada na sua aplicação e por ser uma variável contínua. Assim, o estesiômetro eletrônico mostrou ser um método quantitativo e de fácil aplicação clínica, capaz de avaliar as alterações de sensibilidade nos pacientes com hanseníase tanto no diagnóstico quanto no seu seguimento.
Título em inglês
Leprosy neuropathy evaluation by electronic esthesiometry
Palavras-chave em inglês
Electronic estesiometer
Leprosy
Seemes-Weinstein monofilaments
Sensitivity alteration
Resumo em inglês
Leprosy disease is one of the most common causes of non traumatic peripheral neuropathy in the world. This study proposes a non invasive measurement with an electronic method for the leprosy patients' evaluation, comparing them to Semmes- Weinstein monofilaments (the conventional one). Thirty patients of dermatology outpatient clinic of HCFMRP-USP were evaluated by the electronic and conventional methods consecutively. Each patient was evaluated on their hands and feet points that were standardized by brazilian Ministry of Health for sensitivity evaluation. Each point was measured by the electronic esthesiometer 5 times and after that it was calculated the mean of the 3 nearest ones measures. To evaluate the variability between these measures it was calculated the intraclass correlation coefficient (ICC). The result was aproximately 1 in all points, what demonstrated repeatability of them. Through Kappa coefficient it was observed agreement between the studied methods according to their categories (alterated and non alterated sensitivity) and there was agreement in more than 75% and 63% on the hands and feet points respectively. The addition of the percentage agreement values in each point was divided by the numbers of points resulting the percentage mean. The mean of agreement between the 2 methods on the 7 points of the right hand was 77.14%. On the left hand the mean of agreement was 75.71%. On all 10 points of the right foot the mean agreement on the alterated and non alterated sensitivity evaluation was 74.33%. There was predominance of 90.91% at mean on the detection of alterated sensitivity by the electronic esthesiometer with no detection by the monofilaments on the disagreement cases. On the left foot the agreement on the evaluation was 63.66% at mean. On the disagreement cases there was predominance of 84.25% at mean of the detection of alterated sensitivity by the electronic esthesiometer with no detection by the monofilaments, finally, for the same cases the last one registred non alterated sensitivity, therefore, normal. Besides the agreement between the patients with alterated and non alterated sensitivity through Kappa method, when the absolute values were observed, the methods were different. These differences between their values could be because of each method characteristics, such as the contact area thickness and the kind of variable involved. It is not possible to state which method is more effective on the detection of the sensitivity alteration on leprosy patients. However the results obtained by the electronic estesiometer seems to be reliable because of the strict methology used on its application. Than, the electronic estesiometer showed to be a method with an easy application, capable to evaluate the sensitivity alterations on leprosy patients.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-02-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.