• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.81.2010.tde-22022011-103724
Documento
Autor
Nome completo
Bruno Cine Ribeiro do Carmo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Trivelato, Silvia Luzia Frateschi (Presidente)
Amorim, Antonio Carlos Rodrigues de
Fernandes, José Artur Barroso
Título em português
Padrões morais, valores e conceitos empregados por alunos de ensino fundamental em discussões sociocientíficas
Palavras-chave em português
aborto
argumentação
padrões morais
questões sociocientíficas
valores
Resumo em português
Questões sociocientíficas são dilemas sociais de natureza polêmica que envolvem moralidade e ética. O problema da validade ética do aborto possui ligações conceituais com a Ciência e é uma questão bastante controversa, representando uma questão sociocientífica. Neste trabalho, foram transcritos e analisados trechos da interação de adolescentes discutindo a questão do aborto. A unidade de análise foi o argumento segundo o padrão de Toulmin (2003), a partir do qual foram identificados valores empregados pelos alunos, como: priorização de questões sociais; riscos e responsabilidade; respeito ao valor da vida; valores familiares e relacionais e regras de decisão. Os valores usados na discussão foram representativos das linguagens éticas do cuidado e da justiça, se usarmos os termos derivados da área da psicologia moral. Os mais freqüentes foram os chamados valores familiares e relacionais. Os alunos resolveram as questões utilizando raciocínios baseados em princípios, raciocínios consequencialistas, deliberações baseadas em emoção ou em intuição. As posições intuitivas foram mais comuns, seguidas pelo raciocínio baseado em princípios. Alguns conceitos científicos se mostraram presentes na discussão, indicando que temas sociocientíficos são oportunidades de integração de tais conteúdos. Os conceitos presentes foram: método contraceptivo, interdependência funcional, tecnologia médica, desenvolvimento, funcionamento da pílula do dia seguinte, óvulo, genes, sangue, DNA, maturidade sexual e gravidez. Foram analisadas também, segundo o padrão de Toulmin, as funções de conceitos e valores nos argumentos. Os conceitos apresentavam principalmente função de dados, enquanto os valores apresentavam principalmente função de garantias, conforme esperado e identificado na literatura. Outras funções para conceitos científicos e valores também surgiram nos argumentos, contrastando com o padrão comumente encontrado. A preponderância de determinados padrões morais e valores pode ter diversas explicações, que vão desde a dominância de algumas formas de pensamento na classe social da qual os alunos fazem parte até a forma como as pessoas tomam decisões morais em geral. A importância dos valores e o surgimento dos conceitos científicos na discussão sugerem que os temas sociocientíficos deveriam ter um lugar privilegiado nas aulas de ciências, assim como as questões afetivas e morais que influenciam o raciocínio informal e o desenvolvimento do caráter dos indivíduos.
Título em inglês
Moral patterns, values and concepts used by students in socioscientific discussions
Palavras-chave em inglês
abortion
argumentation
moral patterns
socioscientific issues
values
Resumo em inglês
Socioscientific issues are social dilemmas which are polemic in nature and related to morality and ethics. Abortion is such an example, as it is controversial and has conceptual links to Science. In this work, fragments from students discussions in groups about abortion were transcripted and analyzed. The Toulmin (2003) argument pattern was used as major tool for analysis, allowing the researcher to identify the values held by students, such as: social issues; risks and responsibility; respect for life; familiar and relational values and decision rules. These values can be seen as a representation of care and justice ethic languages, in terms of moral psychology. Familiar and relational values were the most frequent. Students solved the questions using consequencialist reasoning, reasoning based on principles, emotive and intuitive deliberations. Intuitive positions were more common, followed by principled reasoning. Some scientific concepts were brought up to the discussion by the students, which can be seen as an evidence of socioscientific issues working as promoters of scientific knowledge integration. The concepts found in the discussion were: contraceptive method, functional interdependence, medical technology, development, the -morning-after-pill?, ovule, gens, blood, DNA, sexual maturity and pregnancy. Following the Toulmin argument pattern, the functions of values and scientific concepts were analyzed too. Concepts mainly showed up as data in the arguments, while values were seen mostly in the position of warrants, just as expected and identified in literature. They also emerged in other functions, contrasting with the most common patterns. Prevalence of some moral patterns and values could be explained in many ways, like the dominance of some thoughts and ideas in the social class to which the students belong or maybe some common mechanism of making moral choices. The importance of values and the rising of scientific concepts in the debate suggest that socioscientific themes should have a privileged place in science classes, as well as moral and affective issues which influence informal reasoning and character development.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-03-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.