• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Bruno Rafael Santos de Cerqueira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Bizerra, Alessandra Fernandes (Presidente)
Cenci, Adriane
Ferreira, Francisco Rômulo Monte
Silva, Douglas Falcão
Ursi, Suzana
Título em português
Uma exposição científica internacional no Brasil: um olhar para as contradições
Palavras-chave em português
Contradições Dialéticas
Divulgação Científica
Exposições Internacionais
Teoria Histórico-Cultural da Atividade
Resumo em português
As exposições científicas de caráter internacional e itinerante estão presentes em diversos momentos da história da divulgação científica do Brasil e do mundo. Esses grandes eventos também marcam presença na atualidade, através das mostras que buscam apresentar à população as Ciências produzidas em diferentes contextos. Embora historicamente o papel social dessas exposições tenha se alternado em força e motivos, torna-se evidente que esse tipo de iniciativa ainda é recorrente na agenda da divulgação científica do nosso país. Nesse contexto, esta tese compreende uma investigação sobre a vinda ao Brasil da exposição científica, itinerante e internacional "Túnel da Ciência 3.0" desenvolvida pelo Instituto Max Planck, a partir da iniciativa do setor público e privado. A compreensão das negociações e tensões estabelecidas entre diferentes sujeitos envolvidos na significação de uma exposição científica de caráter internacional, sob a ótica da teoria histórico-cultural da atividade é o objetivo principal da pesquisa. A produção de dados foi feita com a utilização de: notas de campo, entrevistas semiestruturadas com organizadores, representante do Ministério da Ciência e Tecnologia, monitores e visitantes, além da gravação em áudio e vídeo das visitas. A sistematização e a análise dos dados foram realizadas com o uso do software NVIVO11 ®, de forma a auxiliar na esquematização dos sistemas de atividade, bem como viabilizar a categorização dos conteúdos das contradições, tendo como base as manifestações discursivas de contradições e o método dialético. Os referenciais utilizados nessa investigação, incluindo os conceitos de sistema de atividade e contradições ofereceram dicas importantes sobre organização das relações que são estabelecidas entre os sujeitos envolvidos com a exposição. Foi possível identificar dez categorias que refletem os conteúdos das contradições de um processo de itinerância de uma exposição científica e internacional. São elas: Ciência local x Ciência global, financiamento público x privado, Aprender conteúdos científicos x explorar os aparatos interativos, divulgação institucional x divulgação das ciências, modelos dialógicos x valores universais, interatividade: discurso midiático x discurso expositivo, negociações: entre o planejado x efetivado, formalização institucional da concepção de divulgação científica x instabilidade política, teoria x prática de monitoria, monitoria junto ao público escolar x monitoria junto ao público espontâneo. A partir da reflexão sobre essas categorias sugerimos elementos centrais a serem considerados nos processos de adaptação de grandes exposições itinerantes e internacionais, que possibilitem a reflexão sobre formas mais contextualizadas desses eventos de modo a atender especificidades locais dos países visitados, contribuindo, assim, para as discussões que envolvem políticas públicas de divulgação das Ciências e tecnologias e a educação não formal.
Título em inglês
An international scientific exhibition in Brazil: a look at the contradictions.
Palavras-chave em inglês
Cultural-Historical Activity Theory
Dialectical Contradictions
International exhibition
Science Communication
Resumo em inglês
The scientific, international and itinerant exhibitions are present at various moments in the history of the science communication of Brazil and the world. The major events are also present today, through the exhibitions they seek are presented as the sciences produced in different contexts. Although historically the social role of these exhibitions has alternated in strength and motives, it becomes clear that this type of initiative is present in the scientific communication of our country. In this context, this thesis comprises an investigation about the coming to Brazil of the scientific, itinerant and international exhibition "Science Tunnel 3.0" developed by the Max Planck Institute, based on the initiative of the public and private sector. The understanding of the negotiations and tensions established between different subjects involved in the meaning of an international scientific exhibition, from the point of view of the historical-cultural activity theory is the aim of the research. The production of data was done using field notes, semi-structured interviews with organizers, representatives of the Ministry of Science and Technology, monitors and visitors, as well as audio and video recording of visits. The systematization and analysis of the data were performed using the NVIVO11 ® software, in order to aid in the schematization of the activity systems, as well as to enable the categorization of the contents of the contradictions, based on the discursive manifestations of contradictions and the dialectical method. The frameworks used in this research, including the concepts of activity system and contradictions, provided important clues about the organization of the relationships that are established among the subjects involved with the exhibition. It was possible to identify ten categories that reflect the contents of the contradictions of a roaming process of a scientific and international exhibition. They are: Local science x Global science, public x private funding, Learning scientific contents x exploring the interactive apparatuses, institutional divulgation x science communication, dialogic models x universal values, interactivity: media discourse x expositive speech, negotiations: between the planned x effective, institutional formalization of the concept of scientific communication x political instability, theory x practice of monitoring, monitoring with the school public x monitoring with the spontaneous public. From the reflection on these categories, we suggest central elements to be considered in the processes of adaptation of international exhibitions, which allow the reflection on more contextualized forms of these events in order to meet local specificities of the countries visited, thus contributing to the discussions involving public policies for science and technology communication and non-formal education.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-06-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.