• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.81.2012.tde-26022013-094957
Documento
Autor
Nome completo
Talita Raquel Luz Romero
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Mauricio Pietrocola Pinto de (Presidente)
Custódio Filho, José Francisco
Gurgel, Ivã
Título em português
Modelos e explicações: a apropriação e o uso de entidades científicas pelos alunos
Palavras-chave em português
Explicações
Modelos
Narrativas
Resumo em português
Esta pesquisa, vinculada à concessão da bolsa CNPq e intitulada "Modelos e Explicações: a apropriação de entidades científicas e o uso que os alunos fazem delas", assume a importância dos modelos tanto na ciência quanto no ensino, destaca que a produção de explicações se dá por meio dos modelos e propõe investigar a relação entre a construção de modelos na ciência e no ensino de ciências por meio das entidades. Enquanto representações eficazes do mundo físico, os modelos científicos precisam passar pela transposição didática para constituírem-se como objetos de ensino. Deste modo este trabalho tem também como objetivo compreender quais aspectos da construção de modelos na ciência pode/deve ser transposto para o contexto escolar. Avançaremos em relação à ideia de que uma adequada definição de modelo, tanto na ciência quanto em seu ensino, se relaciona com a necessidade de explicar e permite uma descrição satisfatória dos procedimentos empregados por pessoas em busca de uma explicação de um sistema físico. Assim, a esta pesquisa, são adicionadas duas questões importantes à investigação: como os alunos usam os modelos da ciência para a produção de explicações e como as entidades presentes no mundo cotidiano e no mundo da ciência participam da construção dessas explicações? Esta investigação encontra apoio no filósofo Mario Bunge (1974; 1985) e justifica discussão sobre modelos e modelagem em sua perspectiva pelo fato dele considerar que o papel fundamental da ciência é a construção de modelos e seu principal objetivo é produzir explicações para os fatos reais. O processo de construção de modelos e explicações pressupõe que as explicações produzidas pela ciência pertençam a um cenário pré-definido, no qual cada entidade desempenhe papéis que atendam as expectativas e exigências delimitadas pelo contexto. Sendo assim, continua por procurar uma aproximação entre a ideia de entidades e de objetos-modelo definido por Bunge. Para isso, são apresentadas duas estratégias metodológicas que se concentram em elaborar, implementar e analisar atividades de ensino-aprendizagem sobre duas entidades físicas escolhidas: carga e campo.
Título em inglês
Models and explanations: the appropriation of scientific entities and students' use of it
Palavras-chave em inglês
Explanations
Models
Narratives
Resumo em inglês
This research, linked to the granting of the CNPQ scholarship and entitled "Models and explanations: the appropriation of scientific entities and students' use of it", assumes the importance of models in both science and education, highlights that the production of explanations is given by models and proposes to investigate the relationship between the construction of models in science and science education through entities. While effective representations of the physical world, the scientific models need to pass the didactics transposition in order to constitute itselves as teaching objects. Thereby this research has also as a target to comprehend which aspects of models' construction in science may/must be transposed to the educational context. We will proceed the idea that a suitable model definition, both in science as in its teaching, is related with the need to explain and permits a satisfactory description of the procedures applied by people searching an explanation of a physical system. Therefore, to this research, we add two important questions to the investigation: how do students use the models of science in producing explanations and how do the entities present in the everyday world and in the world of science participate in the construction of these explanations? This investigation is supported by the philosopher Mario Bunge (1974; 1985) and justifies the discussion of models and modeling in his perspective by the fact that he considers that the fundamental role of science is the construction of models and its main objective is to produce explanations to real facts. The process of construction of models and explanations presuppose that explanations produced by science belong to a predefined scenario, in which each entity perform roles that attend the expectation and the demands delimited by its context. Therefore, it continues to look for an approximation between the idea of entities and model-objects defined by Bunge. To do so, we present two methodological strategies that concentrates in elaborate, implement and analyze activities of teaching-learning about two Physical entities chosen: charge and field.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.