• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.81.2018.tde-16072018-140402
Documento
Autor
Nome completo
Jorge Deveikis Junior
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Peres, Anne Louise Scarinci (Presidente)
Kleinke, Maurício Urban
Ortiz, Roberto Pereira
Título em português
A utilização de ferramentas didáticas em um Ambiente Virtual de Aprendizagem de um curso a distância
Palavras-chave em português
Astronomia
Ensino a distância
Material didático
Resumo em português
Resumo: Este trabalho é fruto de uma investigação em um curso de extensão em astronomia, destinado a professores, e realizado no formato à distância. As ferramentas do curso foram analisadas em sua função para o aprendizado, e em sua coerência com a proposta pedagógica declarada pelos coordenadores do curso como construtivista. Concomitante a isso, foram analisadas as movimentações de três cursistas pelo Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), quantitativamente ao longo de todo o curso e mais pormenorizadamente ao longo de 4 das 30 semanas-aulas. Para complementar os dados quantitativos, foi feita uma entrevista semi-estruturada com os cursistas ou coletados dados a partir de uma apreciação do curso, que eles redigiram. Como resultados, foram apontadas principalmente duas ferramentas que, da forma como foram utilizadas pelos elaboradores do curso, promoveram problematização, conexão com as ideias iniciais do aprendiz, incentivo à interação e à autonomia no aprendizado: o roteiro de estudos e o quiz. Com respeito à movimentação dos cursistas, foi possível verificar que tanto em seu discurso como em seus dados de movimentação pelo AVA, eles valorizaram bastante as duas ferramentas destacadas e se movimentaram pelo AVA de modo a acessar a grande maioria das ferramentas disponibilizadas na semana-aula, e que a movimentação dos cursistas era consistente e frequente ao longo das semanas. Não houve correlação entre picos de acesso e vésperas de provas ou semanas mais difíceis, tampouco houve relação entre maior intensidade de acessos e melhor desempenho (em se tratando de cursistas aprovados no curso). Comparando a quantidade de cliques com a quantidade de acessos de cada cursista e toda a movimentação realizada dentro do AVA, podemos afirmar que o cursista acessa as ferramentas de uma forma compatível com as orientações do curso, ou seja, de um modo como os elaboradores do curso planejaram tais ferramentas.
Título em inglês
The use of didactic tools in a Virtual Learning Environment of a distance course
Palavras-chave em inglês
Astronomy
Didatic material
Distance education
Resumo em inglês
This work is a product of an investigation within a distance education course on Astronomy designed for school teachers. The course tools were analysed in their function to learning and coherence with the declared pedagogical proposal of the course, declared by the course coordinators as construtivist. In addition to that, we have analysed the movements of 3 students within the Virtual Learning Environment (VLE) of the course. This was done quantitatively through the whole course and more detailed for 4 of the 30 weekly classes. To complement the quantitative data, we have also interviewed those students or taken data from a course appreciation they wrote and that was available in the online environment. As results, we point out two main tools that, in the way they were used by the course elaborators, promoted problematization, connection with the initial ideas of the learners, interaction and growing autonomy: the study guide and the quiz. Analysing the learners movement in the VLE, we could verify that they valued those tools and accessed all tools made available for each class, some more than once. The learners access was consistent and frequent, and no correlation was observed between intensity of access and proximity to final exams, nor marks (emphasizing that all 3 learners succeeded in the course). Comparing the quantity of clicks and quantity of accesses of each student and all movement inside the VLE, we can state that the learner accesses the tools in a way that is consistent with the way the course elaborators planned the tools to be used.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.