• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.81.2018.tde-05072018-143617
Documento
Autor
Nome completo
Elrismar Auxiliadora Gomes Oliveira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Leite, Cristina (Presidente)
Bisch, Sérgio Mascarello
Bittencourt, Circe Maria Fernandes
Hosoume, Yassuko
Megid Neto, Jorge
Título em português
Trajetória da astronomia na legislação educacional e nos livros didáticos da instrução primária do oitocentos brasileiro
Palavras-chave em português
Astronomia
Brasil
estudo e ensino
Física
Geografia
instrução primária
livros didáticos
século XIX
Resumo em português
Procurando contribuir com a história do ensino de Astronomia e também das disciplinas escolares, procura-se compreender a trajetória da Astronomia como matéria escolar na instrução pública primária da segunda metade do oitocentos brasileiro, na Corte e no estado de São Paulo. Para tanto, elegeram-se como principais materiais de análise fontes primárias da legislação educacional e livros didáticos recomendados para instrução primária daquele período. Com base na legislação educacional, identificou-se a forma de organização do ensino desse período, como a divisão dos cursos, a idade e métodos de ensino. Tendo como aporte teórico os próprios métodos de ensino determinados no oitocentos, os livros didáticos e a legislação educacional também foram analisados na perspectiva de compreender as estratégias indicadas/utilizadas para o encaminhamento dos conteúdos de Astronomia. Além disso, procurou-se compreender fatores que podem ter influenciado o aparecimento da Astronomia como matéria escolar na instrução primária do oitocentos brasileiro. Os resultados da análise mostram que a Astronomia teve presença tanto na legislação educacional como nos livros didáticos, chegando a se constituir como matéria escolar principal da instrução pública primária da segunda metade do oitocentos brasileiro. Em relação aos conteúdos de Astronomia identificados, encontram-se temas relativos ao Universo, como modelos, estrelas, galáxias e nebulosas. No detalhamento dos conteúdos, chegou-se a identificar a discussão da possibilidade de existência de outros sistemas planetários. A Lei da gravitação universal aparece explicando a regularidade de movimentos no céu e equilíbrio dos corpos na superfície da Terra. Foram abordadas características da maior parte dos astros do sistema solar, como por exemplo, Sol, planetas, satélites, asteroides, cometas e meteoros. A maior parte dos fenômenos relacionados ao sistema Sol-Terra-Lua, como por exemplo, movimentos da Terra, dia e noite, estações, fases da Lua, eclipses e fases de planetas foram encontrados nos materiais analisados. Nos conteúdos relativos ao tema sistemas de coordenadas, aparecem coordenadas terrestres e celestes. Quanto às estratégias de abordagem dos conteúdos de Astronomia nos livros didáticos, identificaram-se três perspectivas. A primeira, segue o método catequético, apresentam-se os conceitos na forma de perguntas e respostas. Na segunda, os livros parecem indicar uma mudança de metodologia, negando o método catequético, denominou nesta tese de Catequético implícito, onde os livros retiram as perguntas e respostas, procurando construir uma narrativa seguida de exercícios. A terceira perspectiva, mostra uma nova tendência do final do oitocentos, o ensino ativo, encaminhado pelo método intuitivo, em que atividades de observação e experimentação se fazem presentes. O método adotado parece não definir ou limitar o encaminhamento que o autor dá aos conceitos. Tanto que a característica mnemônica atribuída ao método catequético parece ser mais evidente nos livros que estão no período de mudanças de metodologia encaminhando os conceitos por meio da narrativa. Os conteúdos de Astronomia estiveram presentes na instrução primária do oitocentos, aparentemente por diversas razões, porém, dentro dos limites dessa análise foi possível interpretar, algumas delas: a astronomia é uma ciência culturalmente importante; a entrada das ciências positivas nos programas de ensino e com elas a Astronomia, devido à influência da filosofia de Augusto Comte, principalmente no final do Império; e o caráter propedêutico, na força dos exames externos para entrada em cursos subsequentes.
Título em inglês
Trajectory of Astronomy in the educational legislation and in the didactic textbooks of the primary education of the Brazilian XIX century
Palavras-chave em inglês
19th century
Astronomy
Brazil
Geography
Physics
Primary education
study and teaching
textbooks
Resumo em inglês
In order to contribute to the history of astronomy teaching and also to the school disciplines, we aims to understand the trajectory of Astronomy as a school subject in the primary public education of the second half of the Brazilian XIX century, in the Court and in the state of São Paulo. For this purpose, primary sources of educational legislation and textbooks recommended for primary education of that period were chosen as the main analytical materials. Based on the educational legislation, it was identified the teaching organization form of this period, as the division of the courses, the students age and teaching methods. It was considered as a theoretical contribution the teaching methods determined in the XIX century, textbooks and educational legislation were also analyzed with a view to understanding the strategies indicated / used for the routing of Astronomy contents. In addition, we aim to understand factors that may have influenced the appearance of astronomy as a school subject in the primary education of the XIX century. The results of the analysis show that astronomy has been present both in educational legislation and textbooks, and has become the main school subject of primary public education in the second half of the XIX century. In relation to the identified astronomy contents, there are themes related to the Universe, such as models, stars, galaxies and nebulae. In the detailing of the contents it was possible to identify the discussion of the possibility of existence of other planetary systems. The Law of Universal Gravitation appears explaining the regularity of movements in the sky and the balance of bodies on the Earth's surface. Characteristics of most of the stars of the solar system, such as the sun, planets, satellites, asteroids, comets and meteors, were discussed. Most of the phenomena related to the Sun-Earth-Moon system, such as Earth's movements, day and night, seasons, Moon phases, eclipses and planetary phases were found in the analyzed materials. In the related contents to the coordinate systems subject, terrestrial and celestial coordinates appear. Regarding the strategies for approaching Astronomy contents in textbooks, three perspectives were identified. The first one, follows the catechetical method, presents the concepts in the questions and answers form. In the second one, the books seem to indicate a change of methodology, denying the catechetical method, denominated in this thesis of implicit Catechetical method. In this method, the books remove the questions and answers, trying to construct a narrative followed of exercises. The third perspective shows a new trend of the late eighties, active teaching guided by the intuitive method, with observation and experimentation activities. The adopted method does not seem to define or limit the referral that the author apply to the concepts. So that the mnemonic characteristic attributed to the catechetical method seems to be more evident in the books that are in the period of methodology changes. These books concepts are directed through the narrative. The contents of Astronomy were present in the primary education of XIX century, apparently for several reasons, but within the limits of this analysis it was possible to interpret some of them: astronomy is a culturally important science; The entrance of the positive sciences in the teaching programs and with them astronomy, due to the influence of the Auguste Comte philosophy, mainly at the fase of Empire end; And the propaedeutic nature, on the strength of external examinations for entrance into subsequent courses.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.