• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.81.2014.tde-03062015-150517
Documento
Autor
Nome completo
Valeria Rosa Martins
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Leite, Cristina (Presidente)
Hosoume, Yassuko
Megid Neto, Jorge
Título em português
O ensino da física moderna nos livros didáticos do início do século XX
Palavras-chave em português
Currículo
Física moderna
História da educação
História do ensino de Física
Livro didático
Resumo em português
O livro didático, mesmo com todos os recursos digitais disponíveis, possui papel de destaque na educação básica brasileira, seja em razão de seu amplo acesso a alunos e professores, seja por causa de sua presença na história da nossa educação. Como fonte de pesquisa, esse material tem atraído cada vez mais interesse dos pesquisadores que o analisam sob diversos aspectos. Neste trabalho analisamos o livro didático como fonte documental histórica e tivemos como objetivo estudar a inserção de conteúdos de física moderna em livros didáticos de Física do começo do século XX. Analisamos cinco livros didáticos de Física: Traité elémentaire de Physique (1918), de Albert Ganot; Curso elementar de Physica (1920), de Antônio de Pádua Dias; Tratado de Physica (1928), de Raul Romano; Tratado de Física elementar (1925), de Francisco Ribeiro Nobre; e Curso de Physica (1936), de Aníbal Freitas. Na perspectiva de caracterizar o ensino de física moderna no período, com base na leitura exaustiva do material e dos referencias utilizados, foi possível construir quatro grandes categorias de análise: histórica, matemática, experimental e aplicativa tecnológica. Na categoria histórica, por exemplo, estão inseridos os elementos relacionados a descobertas e biografias dos cientistas. Foi possível notar que a ênfase nessa categoria é caracterizada pela priorização de fatos e uma história descritiva. A categoria matemática aparece marcada pelo uso de relações de grandeza e proporções, e não pelo predomínio do uso de equações que são comuns nos livros didáticos atuais. Já a categoria experimental caracteriza-se por uma série de apresentações de atividades práticas, as quais, muitas vezes, resumem-se à descrição procedimental acerca do uso de alguns aparelhos. Por último, a categoria aplicativa tecnológica foca na descrição de produtos da tecnologia da época, especialmente no uso das radiações na área médica, ressaltando seus benefícios. As categorias experimental e aplicativa tecnológica são as presentes nos livros didáticos analisados e parecem mostrar a forma como a física moderna era tratada no contexto educacional brasileiro do início do século XX, indicando uma tendência fortemente relacionada ao apelo da inserção de temas mais contemporâneos da ciência e com conteúdos direcionados à aplicação tecnológica. Desta pesquisa identificamos três questões principais, que podem promover à sua continuidade. A primeira trata da pequena expressividade de trabalhos desta natureza, que no Brasil passaram a ser mais frequentes a partir da década de 1990. A segunda ressalta a ausência de conteúdos mais acadêmicos nos livros didáticos analisados (como a Radiação de corpo negro e a Quantização de energia, temas contemporâneos à época). Por último, indagamos sobre a influência francesa no sistema educacional brasileiro, tanto nos modelos de instituições escolares criados no nosso país, como também nos livros didáticos recomendados. Questionamos se essa influência francesa foi percebida apenas no Brasil ou se também pôde ser observada em outros países.
Título em inglês
The modern physics teaching in the textbooks of the early twentieth century dissertation
Palavras-chave em inglês
Curriculum
History of Education
History of Physical Education
Modern Physics
Textbook
Resumo em inglês
The textbook, even with all digital resources available, has a major role in the Brazilian basic education, either because of their broad access to students and teachers, either because of their presence in the history of our education. As a research resource, this material has attracted increasing interest of researchers who analyze it from different aspects. We examined the textbook as a historical documentary source and our objective was to study the insertion of content in modern physics Physics textbooks from the early twentieth century. We analyzed five Physics textbooks: Traité elémentaire de Physique (1918), of Albert Ganot; Curso elementar de Physica (1920), of Antônio de Pádua Dias; Tratado de Physica (1928), of Raul Romano; Tratado de Física elementar (1925), of Francisco Ribeiro Nobre; and Curso de Physica (1936), of Aníbal Freitas. From the perspective of characterizing the teaching of modern physics in the period, based on extensive reading of materials and references used, it was possible to build four broad categories of analysis: historical, mathematical, experimental and applicative technology. In the historical category, for example, are inserted elements related to discoveries and biographies of scientists. We observed that the emphasis in this category is characterized by prioritizing facts and a descriptive story. The math category appears marked by the use of ratios and proportions greatness, and not by the prevalence of the use of equations that are common in today's textbooks. Already the experimental category is characterized by a series of presentations from practical activities, which often boil down to the procedural description about the use of some appliances. Finally, technological applicational category focuses on the description of the technology of the time products, especially in the use of radiation in medicine, emphasizing its benefits. The experimental applicative and technological categories are present in the textbooks analyzed and seem to show how modern physics was treated in the Brazilian educational context of the early twentieth century, indicating a trend appeal strongly related to the insertion of more contemporary issues of science and with content targeted to technological application. This research identified three main issues, which can promote its continuity. The first deals with the expressiveness of small works of this nature, in which Brazil became more frequent from the 1990s The second highlights the absence of more academic content in the textbooks analyzed (such as black body radiation and the quantization energy, contemporary at the time) themes. Lastly, inquire about the French influence in the Brazilian educational system, both the models of educational institutions created in our country, as well as the recommended textbooks. We question whether this French influence was seen only in Brazil or could also be observed in other countries.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.