• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2018.tde-17072018-125455
Documento
Autor
Nome completo
Luana Mara Almeida Teixeira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Zucchi, Angela Maria Tenorio (Presidente)
Araujo, Mariangela de
Ottaiano, Adriane Orenha
Tagnin, Stella Esther Ortweiler
Título em português
Práticas integrativas e complementares: análise de corpora e glossário bilíngue português/inglês para tradutores
Palavras-chave em português
Florais
Linguística de corpus
Medicina complementar e alternativa
Práticas Integrativas e Complementares
Terminologia bilíngue
Resumo em português
A busca por saúde e bem-estar é intrínseca ao ser humano. Além da medicina convencional ou alopática, existem numerosas modalidades terapêuticas consideradas parte da Medicina Complementar e Alternativa (MCA). No Brasil, essas terapias foram chamadas Práticas Integrativas e Complementares (PIC), definidas pela Portaria nº 971, de 3 de maio de 2006 do Ministério da Saúde. Embora sejam amplamente utilizadas com apoio da Organização Mundial da Saúde, faltam materiais de suporte aos tradutores sobre esse tema. Dessa forma, procuramos desenvolver um glossário bilíngue português brasileiro/inglês britânico dessa área de especialidade, por meio da compilação de corpora comparáveis nos dois idiomas, escolhendo textos representativos sobre essa temática. Para a realização desse trabalho, utilizamos como referenciais teóricos a Linguística de Corpus e a Terminologia Bilíngue. Como ferramenta computacional usamos o WordSmith Tools. Após a compilação dos corpora, utilizando artigos acadêmicos, livros, textos de sites institucionais e legislação, examinamos a linguagem utilizada na área de PIC e extraímos os termos pertinentes à pesquisa por meio de uma análise quantitativa e qualitativa. Verificamos a ocorrência de termos simples, compostos, complexos e siglas. Em seguida, buscamos os equivalentes em língua inglesa para os termos selecionados. Nem todos os equivalentes foram encontrados no corpus em inglês, portanto, realizamos nova busca usando a web como corpus. Explicitamos a macroestrutura e a microestrutura propostas e apresentamos a primeira versão do glossário, com exemplos de contextos de uso autêntico em ambos os idiomas. Propusemo-nos também a buscar os equivalentes em inglês para uma terapia desenvolvida no Brasil cuja terminologia ainda não tivesse sido vertida para o inglês. Foi escolhida a terapia floral baseada na alquimia, da qual elaboramos um corpus, extraímos os termos mais representativos e buscamos os equivalentes em inglês por meio de pesquisas pontuais. Elaboramos um glossário ilustrado de plantas utilizadas na produção das essências florais utilizadas nessa terapia. Esperamos contribuir com um material de apoio inicial aos tradutores da área de PIC, além de incentivar o desenvolvimento de novas pesquisas sobre essa lingua de especialidade.
Título em inglês
Complementary and Integrative Practices: corpora analysis and bilingual glossary Portuguese/English for translators
Palavras-chave em inglês
Bilingual terminology
Complementary and alternative medicine
Complementary and Integrative Practices
Corpus linguistics
Flower essences
Resumo em inglês
The search for health and well-being is intrinsic to the human being. In addition to conventional or allopathic medicine, there are numerous therapeutic modalities considered part of Complementary and Alternative Medicine (CAM). In Brazil, these therapies are called Complementary and Integrative Practices (CIP), defined by Ministry of Health Ordinance No. 971 of May 3, 2006. Although widely used with support from the World Health Organization, there is a lack of reference terminological materials for translators on this topic. Thus, we seek to develop a Brazilian Portuguese/British English bilingual glossary of this area of expertise, by compiling comparable corpora in both languages, choosing representative texts on this topic. In order to carry out this work, we used as theoretical references Corpus Linguistics and Bilingual Terminology. As a computational tool we used WordSmith Tools. After the compilation of corpora, using academic articles, books, texts of institutional websites and legislation, we examined the language used in the area of CIP and extracted the related terms to the research through a quantitative and qualitative analysis. We verified the occurrence of simple terms, compound terms, complex terms and acronyms. Next, we searched for English equivalents of the selected terms. Not all of the equivalents were found in the English corpus, so we performed a new search using the web as a corpus. Then, we explained the proposed macrostructure and microstructure and presented the first version of the glossary, with examples of contexts of authentic use in both languages. We also proposed to seek equivalents in English for a therapy developed in Brazil whose terminology had not yet been translated into English. Alchemy based flower essences therapy was chosen, from which we developed a corpus, extracted the most representative terms and searched for equivalents in English through a one-on-one research. We developed an illustrated glossary of plants used in the production of the flower essences used in this therapy. We hope to contribute an initial reference material to translators in the area of CIP, as well as encouraging the development of new research on this specialized language.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.