• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2019.tde-08032019-140113
Documento
Autor
Nome completo
Melina Cardoso Valente
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Milton, John (Presidente)
Betti, Maria Silvia
Closel, Régis Augustus Bars
Martins, Cláudia Santana
Título em português
Hendíadis em análise nas traduções para o português de peças de W. Shakespeare
Palavras-chave em português
Antoine Berman
Estudos da tradução
Hendíadis
Shakespeare
Traductologie
Resumo em português
Esta pesquisa investiga o uso da hendíadis em 3 (três) peças de William Shakespeare (1564- 1616): Macbeth (1603-1606), Twelfth Night (1602), Julius Caesar (1599), e como foram traduzidas para o português por Carlos Alberto Nunes (1897-1990), Barbara Heliodora (1923- 2015) e Beatriz Viégas-Faria (1956-). Hendíadis é uma figura de linguagem cuja estrutura utiliza a conjunção e para conectar dois substantivos com cargas semânticas díspares que apresentam uma ideia única e complexa. Frequente na literatura latina e bíblica, é traço distintivo na linguagem de Shakespeare, sendo utilizada por exemplo no famoso solilóquio de Macbeth, ato 5, cena 5: sound and fury. Após compilação do corpus paralelo bilíngue, o material será analisado à luz das teorias da tradução, especificamente as proposições de Antoine Berman (1942-1991) sobre deformações atuantes nas traduções, de modo a entender como um elemento de difícil identificação e compreensão se comporta quando traduzido para o português. A proposta é evidenciar a estrutura na linguagem e organizar análise sobre essa característica na poética do autor, mais especificamente a apropriação e o modo que aplicava estruturas do latim para o inglês e como (e se) ela tem sido entendida nas traduções para o português no Brasil, onde a tradução da obra dramática de Shakespeare ocorre desde 1933. A pesquisa pretende também servir para a compreensão dos preceitos teóricos do campo a Traductologie desenvolvidos por Antoine Berman que incorporam a crítica de traduções. Ao tratar o tema padrão e quebra de padrão esta pesquisa busca entender como o elemento estranho e complexo é interpretado e assimilado, sem deixar de considerar fatores sociolinguísticos e históricos relativos à produção e à recepção dos textos.
Título em inglês
Hendiadys under analysis in the Portuguese translations of W. Shakespeares plays
Palavras-chave em inglês
Antoine Berman
Hendiadys
Shakespeare
Traductologie
Translation studies
Resumo em inglês
This study investigates the use of hendiadys in three (3) plays by William Shakespeare (1564- 1616): Macbeth (1603-1606), Twelfth Night (1602), Julius Caesar (1599), and how they were translated into Portuguese by Carlos Alberto Nunes (1897-1990), Barbara Heliodora (1923- 2015) and Beatriz Viégas-Faria (1956-). Hendiadys is a figure of speech whose structure uses the conjunction and to connect two nouns with different semantic fields presenting a unique and complex idea. Frequent in biblical and Latin literature, they are distinctive in Shakespeares language, being used for example in the famous soliloquy of Macbeth, Act 5, Scene 5: sound and fury. After compiling the bilingual parallel corpus, the material is analyzed using translation theories, specifically the propositions proposed by Antoine Berman (1942-1991) on translation deformations to understand how an element of difficult identification and understanding behaves when translated into Portuguese. The proposal aims to highlight the structure in the language and make an analysis of this feature in the authors poetics, more specifically the appropriation and the mode in which he applied structures from Latin to English and how (and whether) they have been understood in the Portuguese translations in Brazil where translations of Shakespeare's plays have been made since 1933. The study also attempts to understand the theoretical guidelines of the field, traductologie, developed by Antoine Berman, which incorporate translation criticism. In dealing with the topic of standard theme and pattern break, the analysis seeks to understand how a strange and complex element is interpreted and assimilated, also considering sociolinguistic and historical factors related to the production and reception of texts.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-03-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.