• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Miguel Makoto Cavalcanti Yoshida
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Abdala Junior, Benjamin (Presidente)
Bastos, Hermenegildo José de Menezes
Bergamo, Edvaldo Aparecido
Pacheco, Ana Paula Sá e Souza
Silva, Rejane Vecchia da Rocha e
Título em português
O fardo do passado e a imobilidade no presente: possibilidades realistas em Angústia e Uma abelha na chuva
Palavras-chave em português
Angústia
Imobilidade
Realismo
Uma abelha na chuva
Resumo em português
O objetivo desta tese é realizar uma análise comparativa de Angústia, de Graciliano Ramos, e Uma abelha na chuva, de Carlos de Oliveira tomando como aspecto central a paralisia no presente dos protagonistas e das relações entre as diferentes classes sociais no interior das narrativas. Os autores procuram figurar os destinos humanos de setores das classes dominantes de cada um dos países que, sem serem protagonistas do processo de modernização capitalista, buscam ou retomar a posição de dominação ou impedir qualquer mudança; com isso procuramos demonstrar a possibilidade de figuração das forças sociais em luta na realidade. É parte do nosso problema também a estruturação das obras a partir de técnicas como o monólogo interior, no caso do romance brasileiro, e da adoção dos pontos de vista dos diferentes personagens por parte do narrador da narrativa portuguesa. Nossa comparação consiste, então, em compreender como apesar das inovações formais mencionadas eles não eternizam as angústias vividas pelos personagens, antes as enraízam nas relações sociais estabelecidas por eles dentro da dinâmica do romance; estas por sua vez remetem à realidade histórica da produção das obras. Tomamos como ponto de partida, aqui, a teoria do realismo tal como desenvolvida por G. Lukács, com a ressalva de que a compreendemos como um método e não um modelo, ou seja, uma atitude diante do real e não um conjunto de normas de composição.
Título em inglês
The burden of the past and the immobility in the Present: possibilities of realism in Angústia and Uma abelha na chuva
Palavras-chave em inglês
Angústia
Paralisys
Realism
Uma abelha na chuva
Resumo em inglês
The objective of this thesis is to perform a comparative analysis of Angústia, by Graciliano Ramos, and Uma abelha na chuva, by Carlos de Oliveira taking as central aspect the question of protagonists paralysis in the present and the relations between different social classes within the narratives. The authors try to figure out human destinies of each of the countries dominant classes strata that, without being protagonists of the process of capitalist modernization, try to recover the position of domination or prevent any change; likewise, we try to demonstrate the possibility of figuration of social forces in struggle in reality. It is also part of our problem the fact that both novels are structured with techniques such as the stream of consciousness, for the Brazilian novel, and the adoption of different characters points of view by the narrator in the Portuguese narrative. Our comparison, then, is to understand how, despite the formal innovations mentioned, they do not eternalize the anguish lived by the characters, but instead root them in the social relations established by the characters within the dynamics of the novel; these, in turn, refer to the historical reality of the production of the novels. We take as starting point the theory of realism as developed by G. Lukács, being understood as a method and not a model, that is, an attitude towards the real and not a set of norms of composition.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-05-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.