• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2006.tde-14052007-151503
Documento
Autor
Nome completo
Neide Hissae Nagae
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Andrade, Homero Freitas de (Presidente)
Azevedo, Sílvia Maria
Cordaro, Madalena Natsuko Hashimoto
Osakabe, Haquira
Yoshida, Luiza Nana
Título em português
De Katai a Dazai: apontamentos para uma morfologia do romance do eu
Palavras-chave em português
Literatura japonesa
Memória autobiográfica
Resumo em português
O presente trabalho constitui um estudo sobre um conjunto de obras pertencentes ao gênero japonês de cunho autobiográfico denominado Romance do Eu, com o intuito de traçar características comuns a essas obras que sirvam como apontamentos para uma morfologia desse gênero surgido no início do século XX. Num primeiro momento, situamos o Romance do Eu no contexto histórico-literário do Japão e apresentamos as discussões de estudiosos japoneses na fase inicial de desenvolvimento dessa forma literária, além da visão de dois estudiosos estrangeiros sobre o gênero. Nesse percurso, traçamos ligações entre as obras estudadas com a repressão ideológica e o exercício da liberdade de expressão na postura acuada e resignada dos protagonistas, encontradas num conjunto de obras analisadas num segundo momento, que vão desde 1906, com a obra Futon (Acolchoado), de Tayama Katai, até o final da Segunda Guerra Mundial. Tais obras revelaram uma sensível e rica diversidade quando analisadas pelos elementos da narrativa que estruturam o texto, mas não foi possível encontrar textualmente aspectos que identificassem o protagonista da obra com seu autor. Na realidade, elas se mostraram uma forma velada de contestação ao sistema autoritário do Japão ao centrarem seu conteúdo em fatos da vida pessoal do autor e parodiarem os romances europeus introduzidos na época. Esse dialogismo do Romance do Eu desenvolve-se também no nível textual da obra de Dazai Osamu, intitulada Pôr-do-Sol, escrita em 1947, logo após a rendição do Japão e ainda sob a ocupação das tropas norte-americanas, incumbidas de iniciar a democratização do país. O estudo desenvolvido nesse terceiro momento mostra que o autor utiliza, ainda, outras formas literárias que privilegiaram a ficção na literatura japonesa, elabora personagens que são desdobramentos de si mesmo e que dialogam entre si e faz uso de diferentes formas narrativas, que se mesclam à intertextualidade de obras japonesas e ocidentais, criando, assim, uma obra que dispensa o rótulo de Romance do Eu e assegura a sobrevivência dessa forma narrativa na prosa moderna do Japão.
Título em inglês
From Katai to Dazai: notes for morphology of the novel of the self
Palavras-chave em inglês
JAPANESE LITERATURE (HISTORY AND CRITICISM) - 20TH CENTURY
Resumo em inglês
ABSTRACT From Katai to Dazai: Notes for Morphology of the Novel of the Self consists of a study on a set of literary works belonging to the autobiographical character Japanese genre denominated Novel of the Self, aiming at outlining common characteristics to these works that serve as notes for a morphology of this genre started in the beginning of the XX century. In a first instance the Novel of the Self is placed in the Japanese historical-literary context and the discussions of Japanese scholars in the initial development phase of this literary form are presented, as well as the vision of two foreign scholars about the genre. In this trajectory are outlined connections of the works studied with the ideological repression and the exercise of the freedom of expression in the cornered and acquiescent posture of protagonists, being these connections found in a set of works analyzed in a second instance, comprehending 1906 with the work of Futon (Quilt) by Tayama Katai, up to the end of the Second World War. Such works have revealed an insightful and rich diversity when analyzed by the elements of the narrative which structure the text, but aspects that could identify the work?s protagonist with its author have not been possible to find textually. As a matter of fact, they have revealed a veiled way of contest to the Japan?s authoritative way as they have focused their content on facts of the author?s personal life and parodied the European novels introduced at that time. This dialogism in the Novel of the Self is also developed on the textual level of the work of Dazai Osamu entitled Sunset, written in 1947, right after the surrender of Japan while under the occupation of the American troops charged with the task of beginning the country?s democratization. The study developed in this third instance reveals that the author uses, in addition, other literary forms that benefit the fiction in the Japanese literature, makes up characters that are developments of himself and that also talk among themselves, and makes use of different forms of narratives that merge to the intertextuality of Japanese and Western works, creating, as a result, a work that excuses the label of Novel of the Self and, assures the endurance of this narrative form in the Japans modern prose.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-05-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.