• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Guilherme Mazzafera e Silva Vilhena
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Gimenez, Erwin Torralbo (Presidente)
Lima, Mirella Márcia Longo Vieira
Vasconcelos, Sandra Guardini Teixeira
Título em português
Narrar é resistir: impasses e entremeios em João Guimarães Rosa
Palavras-chave em português
Entremeio
João Guimarães Rosa
Literatura brasileira
Resistência
Voz narrativa
Resumo em português
Este trabalho apresenta uma reflexão sobre a produção literária de João Guimarães Rosa publicada em jornais e revistas no período de 1947 a 1954, momento localizado entre seu primeiro livro publicado, Sagarana (1946), e os dois livros de 1956, Corpo de baile e Grande sertão: veredas. Procurando desvelar a constituição de uma voz narrativa em primeira pessoa em seu tenso enlace entre impessoalidade e aproximação, mediado pela consciência dos impasses, o foco analítico privilegia uma carta na qual o escritor delineia uma poética precisa que se faz em resposta ao presente histórico, e três narrativas, O mau humor de Wotan (1948), Com o vaqueiro Mariano (1947-8) e Pé-duro, chapéu-de-couro (1952), lidas como textos de circunstância que partilham de um alinhamento ético no qual a busca pela forma implica uma atitude política de resistência.
Título em inglês
To narrate is to resist: impasses and entremeios in João Guimarães Rosa
Palavras-chave em inglês
Brazilian literature
Entremeio
João Guimarães Rosa
Narrative voice
Resistance
Resumo em inglês
This work presents an approach to João Guimarães Rosas literary production published in periodicals between 1947 and 1954, a moment located between his first published book, Sagarana (1946), and the works of 1956, Corpo de baile and Grande sertão: veredas. Seeking to unveil the constitution of a first person narrative voice in its tense bond between impersonality and approximation, mediated by the consciousness of its impasses, the analytical focus is directed towards a letter in which the writer delineates a precise poetics in response to the historical present, and three narratives, O mau humor de Wotan (1948), Com o vaqueiro Mariano (1947-8) e Pé-duro, chapéu-de-couro (1952), perceived as texts of circumstance that share an ethical alignment in which the search for form implies a political act of resistance.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.