• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-07012014-105127
Documento
Autor
Nome completo
Rafael Nascimento da Cunha Carvalho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Guimarães, Hélio de Seixas (Presidente)
Marques, Ivan Francisco
Reimão, Sandra Lucia Amaral de Assis
Título em português
O gigolô das palavras: leitura das Memórias de um gigolô, de Marcos Rey
Palavras-chave em português
Ditadura militar
Indústria cultural
Marcos Rey
Memórias de um gigolô
Oswald de Andrade
Romance-folhetim
Resumo em português
Publicadas em 1968, as Memórias de um gigolô, romance de Marcos Rey, têm sido lidas pela crítica a partir de categorias genéricas como romance-folhetim e narrativa picaresca. Ainda que descrevam alguns aspectos de composição do livro, as generalizações da crítica deixam em segundo plano a presença de um universo brasileiro também em operação no romance, e diluem, por outro lado, os dados de historicidade contidos dentro dele. De acordo com nossa perspectiva, esses dados históricos podem ser recolhidos através da caracterização do narrador como um cafetão que possui habilidade com o manejo das palavras, e que se considera um intelectual subdesenvolvido. Levando em conta essa imagem em negativo do homem de letras brasileiro como gigolô das palavras, o objetivo deste trabalho é examinar o romance de Marcos Rey a partir de dois contextos significativos: a trajetória profissional construída pelo autor no coração das indústrias do entretenimento desde os anos 1950, e o momento histórico vivido pelo Brasil nas décadas de 1960 e 1970, tempos de ditadura militar e de consolidação da indústria cultural no país. As Memórias de um gigolô também são vistas aqui como ponto de convergência para os futuros rumos da ficção de Marcos Rey, cada vez mais aberta à presença de personagens ligados ao universo das letras. Através da análise de dois de seus contos, Soy loco por ti América! (1977) e O bar dos cento e tantos dias (1977), veremos de que modo essas questões se integram à sua obra posterior.
Título em inglês
The gigolo of words: reading of Marcos Reys novel Memoirs of a gigolo
Palavras-chave em inglês
Culture industry
Marcos Rey
Memoirs of a gigolo
Military dictatorship
Oswald de Andrade
Serial novel
Resumo em inglês
Published in 1968, Marcos Reys novel Memoirs of a gigolo has been categorized by critics in broad literary genres such as the serial novel and the picaresque narrative. These readings do not draw enough attention, though, to the presence of a typically Brazilian social universe in Reys books, thereby diluting its marks of historicity. This dissertation seeks to assess the historical dimension of Reys work by focusing on the novels narrator, a pimp who is endowed with unusual literacy and considers himself to be an underdeveloped intellectual. Through this negative version of the Brazilian literary men as literary gigolo, it analyzes Reys novel from a double perspective: the writers professional trajectory in the entertainment industry starting in the 1950s, and the historical context of the 1960s and 1970s, times both of a military dictatorship in the country and of the consolidation of its national culture industry. Memórias de um gigolo is also considered, in the present work, as a blueprint to Reys subsequent work, increasingly centered on characters that are related to the literary universe. Through the analysis of two short stories, Soy loco por ti América! (1977) and Bar dos cento e tantos dias (1977), we try to understand in which ways these themes are ingrained in Reys later work.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-01-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.