• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2009.tde-01122009-112205
Documento
Autor
Nome completo
Ovidio Poli Junior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Ginzburg, Jaime (Presidente)
Feijo, Martin Cezar
Fischmann, Roseli
Pacheco, Ana Paula Sá e Souza
Rabello, Ivone Dare
Título em português
A pena e o cadafalso: observações sobre a literatura carcerária relativa ao período do Estado Novo
Palavras-chave em português
Censura
Estado Novo
Literatura brasileira
Literatura carcerária
Prisão política
Resumo em português
Este trabalho tem por objetivo o estudo da literatura carcerária brasileira (escrita no cárcere ou sob a forma de reminiscência), com ênfase nos escritores que viveram durante o período do Estado Novo (1937-1945). A partir do exame de textos de caráter ficcional, epistolar e memorialístico, procuramos investigar como os autores operaram em suas obras a representação do cárcere, ou, mais precisamente, como refletiram sobre o universo carcerário e como o recriaram enquanto matéria literária. No âmbito historiográfico, procuramos demonstrar que o fenômeno do encarceramento percorre a história da literatura brasileira, sobretudo após a instauração do regime republicano. Trata-se de um trabalho de caráter panorâmico, que parte de apontamentos introdutórios para depois aprofundar-se nos autores inscritos no período referido anteriormente, situando mais detidamente alguns pontos que seriam comuns às suas obras e, ao final, procurando esboçar uma caracterização geral acerca da literatura carcerária brasileira. Acreditamos que o estudo dos escritos do cárcere constitui ocasião privilegiada para examinar a questão do resgate da memória histórica e da identidade individual enquanto fenômeno que conduziria à idéia de uma ética e de uma estética da resistência, forjadas sob as injunções da prisão política.
Título em inglês
The sentence and the scaffold: comments on the incarceration literature in the period of New State
Palavras-chave em inglês
Brazilian literature
Censure
Estado Novo (New State)
Incarceration literature
Political incarceration
Resumo em inglês
This work aims to make a study of the Brazilian incarceration literature (written in prison or under the form of memoirs), emphasizing the writers who lived during the period known as Estado Novo (1937-1945). Throughout the examination of fictional, epistolary and memorial texts, we tried to investigate how the authors have made the representation of the prison in their literary compositions, or, more precisely, how they reflected on the incarceration universe and how they recreate it as literary work. Within the historiographys scope, we have tried to demonstrate that the incarceration phenomenon traverses the history of Brazilian literature, especially after the instauration of the republican regimen. It is a work of panoramic character, which begins with introductory notes and then after becomes a deeper study of the authors that belong to the previously mentioned period, focusing more specifically in certain points that would be common to their works and, at the end, tries to sketch a general characterization of the incarceration Brazilian literature. We believe that the study of the pieces of writing from the prisons constitute a privileged occasion to examine the matter of rescuing the historic memory as well as the individual identity as a phenomenon which would lead to the idea of an ethics and an esthetics of resistance, forged under the injunctions of political incarceration.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-12-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.