• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2017.tde-08052017-115800
Documento
Autor
Nome completo
Ana Carolina Lazzari Chiovatto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Taille, Elizabeth Harkot de La (Presidente)
Amaral, Ana Luisa Ribeiro Barata do
Lopes, Ivã Carlos
Martin, Vima Lia de Rossi
Título em português
A representação do feminino no mundo de Oz, de L. Frank Baum
Palavras-chave em português
Contos de fadas
Estereótipos de gênero
L. Frank Baum
Representação do feminino
Semiótica
Resumo em português
Nos livros de L. Frank Baum cuja ação se desenvolve na Terra de Oz, as personagens femininas aparecem nas mais diversas funções, de protagonista a vilã, de fada a bruxa, de princesa a general, entre outras, sejam elas humanas, feéricas ou animais, desdobrando-se em diversos papéis e, desse modo, reproduzindo alguns estereótipos e quebrando outros. Diante desse campo fértil, o presente trabalho investiga as formas de representação do feminino empregadas na série, cuja primeira e mais conhecida obra é O Maravilhoso Mágico de Oz. Para tanto, a principal teoria a ser utilizada será a semiótica de linha francesa, com o suporte dos estudos comparatistas e dos estudos de gênero. Averiguamos se os livros da série de Oz trazem inovação na forma de representar o feminino. Como na própria introdução do primeiro livro o autor declarava escrever um conto de fadas moderno, investigou-se ainda a aparente diversidade na forma de manifestar o feminino em relação a outros contos de fada, como os de Charles Perrault e os dos irmãos Grimm.
Título em inglês
Female representation in the world of Oz, by L. Frank Baum
Palavras-chave em inglês
Fairytales
Female representation
Gender stereotypes
L. Frank Baum
Semiotics
Resumo em inglês
In L. Frank Baums Oz books, a wide range of roles are performed by female figures: leading character and villain, fairy and witch, princess and general, among others, be they human, fairy or animal, thus reproducing some stereotypes while subverting others. In the face of such a profitable field of study, this dissertation researches female representation throughout the series, whose most renowned book is The Wonderful Wizard of Oz. French semiotics is the main theory underlying our study, aided by gender studies and comparative literature studies. We also sought to ascertain whether the first four books in Baums Oz series innovate in terms of female representation. As the first Oz book introduction asserted it was the authors intention to write a modern fairytale, it was also explored in which ways Oz books represent female characters differently from other fairytales, such as those by Perrault and the Grimm brothers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-05-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.