• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-06112007-102340
Documento
Autor
Nombre completo
Ana Paula Martinez Duboc
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2007
Director
Tribunal
Mór, Walkyria Maria Monte (Presidente)
Souza, Lynn Mario Trindade Menezes de
Viana, Nelson
Título en portugués
A questão da avaliação da aprendizagem de língua inglesa segundo as teorias de letramentos
Palabras clave en portugués
Avaliação da Aprendizagem de línguas
Ensino de línguas
Letramento crítico
Multiletramentos
Teorias de letramentom
Resumen en portugués
Este trabalho apresenta uma investigação sobre as concepções e práticas referentes à avaliação da aprendizagem de língua inglesa em comunidades do Ensino Fundamental. Os registros dessa investigação são aqui analisados e servem como ponto de partida para uma discussão sobre o tema segundo a perspectiva das teorias de letramentos predominantes nas últimas décadas. Trata-se de uma pesquisa qualitativa-interpretativa de caráter etnográfico (André, 2003), cujas perguntas direcionadoras são: I. Como se caracteriza hoje a avaliação da aprendizagem nas aulas de inglês em algumas comunidades do Ensino Fundamental? II. Como pensar a concepção de avaliação da aprendizagem de línguas sob a perspectiva dos novos estudos de letramento? Diante das observações de aulas, das entrevistas com as professoras e da análise dos documentos, pudemos identificar a recorrência de uma concepção de avaliação pautada no paradigma da modernidade, cujos problemas mais evidenciados foram seu entendimento como sinônimo de mensuração, a ênfase ao ensino de conteúdos objetivos e estáveis e ainda a prioridade do uso de provas escritas. Tais evidências, porém, não se fizeram de modo linear e homogêneo, uma vez que as narrativas e práticas pedagógicas dos sujeitos de pesquisa mostraram-se descontínuas e contraditórias. Assim é que pudemos curiosamente identificar concepções estruturalistas de língua acompanhadas de uma prática avaliativa formativa e concepções progressistas de ensino ao lado de uma concepção convencional de avaliação. No que diz respeito à discussão da avaliação de línguas diante das transformações epistemológicas assinaladas pelos novos estudos de letramento, concluímos que sua reconceituação deverá abarcar elementos até então negligenciados pela concepção convencional de educação. Trata-se, pois, de uma re-conceituação em curso e que requererá maior expansão de conhecimento por meio de pesquisas acadêmicas.
Título en inglés
The question about the evaluation of the english language learning from the perspective of the new literacy studies
Palabras clave en inglés
Critical literacy
Language assessment
Language teaching
Multiliteracies
New literacy studies
Resumen en inglés
The aim of this study is to investigate both conceptions and practices regarding English language assessment in some Elementary School communities. The reports of this investigation are then analyzed and serve as a starting point for a discussion about the theme from the perspective of the prevailing new literacy studies in the last decades. It is an interpretative-qualitative research, with ethnographic aspects (André, 2003), whose guiding questions are: I. How does language assessment evolve in English classes in some Elementary School communities? II. What would the conception of language assessment be like from the perspective of the new literacy studies? Through research field, interviews with teachers and documentation analysis, we could identify a recurring conception of evaluation based on the paradigm of Modernity, whose most evident problems were its interpretation as measurement, the emphasis on objective and stable contents, and also the predominant use of written assessments. These findings, however, did not occur in a linear and homogeneous way, since both narratives and teaching practices appeared to be discontinuous and contradictory. Thus, we could curiously notice language structuralist conceptions together with formative evaluation and progressist views of language beside a more conventional evaluation concept. Regarding the discussion of language assessment towards the epistemological transformations signaled by the new literacy studies, we come to the conclusion that its re-conceptualization should enclose certain elements hitherto neglected by a conventional education conception. This, therefore, refers to a current reconceptualization, which will demand more academic research outcomes.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2007-11-08
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2014. Todos los derechos reservados.