• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2009.tde-08022010-113814
Documento
Autor
Nome completo
Isabel Lopes Coelho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Pino, Claudia Consuelo Amigo (Presidente)
Jorge, Veronica Galindez
Moraes, Eliane Robert
Título em português
Quem matou o autor foi o crítico: a resenha literária em Critique e Les Temps Modernes
Palavras-chave em português
Critique
Les Temps Modernes
Campo intelectual
Georges Bataille
História da leitura
Jean-Paul Sartre
Resenhas
Resumo em português
Análise das revistas de cultura Critique e Les Temps Modernes por meio das resenhas sobre Henry Miller e Charles Baudelaire. A dissertação comenta o surgimento das publicações e suas influências (a poética de Georges Bataille e a filosofia de Jean-Paul Sartre). Apresenta o campo intelectual das revistas e editoras no pós-guerra francês (1945-46). Sugere uma reflexão e um vocabulário para definir este novo crítico, um leitor especializado que, pelo ato da escrita, desenvolve a crítica. Também comenta a resenha como gênero, e as referências estruturalistas e sartrianas em ambas publicações.
Título em inglês
Who killed the author was the critic: analysis of Critique and Les Temps Modernes literary review
Palavras-chave em inglês
Critique
Les Temps Modernes
Criticism
Georges Bataille
Intellectual field
Jean-Paul Sartre
Reviews
Resumo em inglês
Analysis of French culture magazines Critique and Les Temps Modernes, through the reviews on the authors Henry Miller and Charles Baudelaire. The text comments the appearance of the publications and its influences (Georges Batailles`s poetics and Jean-Paul Sartre`s philosophy). It presents the intellectual field of the magazines and publishing houses in the French post-war period (1945-46). It suggests a thought and a vocabulary in order to define the new critic character, a specialized reader that writes and produces critic. Finally, comments the genre review and Structuralism and Sartrian references on both magazines.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-03-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.