• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2018.tde-20092018-125847
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula Fabro de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Celada, Maria Teresa (Presidente)
Fanjul, Adrian Pablo
Lauria, Daniela
Nunes, José Horta
Silveira, Verli Fátima Petri da
Título em português
O discurso do Diccionario de la lengua española (RAE) em diferentes condições de produção: língua, sujeitos e sentidos
Palavras-chave em português
Discurso
Língua espanhola
Processos de gramatização
Processos de interpelação
RAE
Resumo em português
Nesta pesquisa nos propomos uma análise do discurso do Diccionario de la lengua española (DLE), da Real Academia Española (RAE), a partir de uma entrada teoricamente orientada pela Análise de Discurso pecheuxtiana em articulação com a História das Ideias Linguísticas, tal como vem sendo desenvolvida a partir dos anos 90 em certos projetos da academia brasileira. Dessa forma, concebemos o dicionário enquanto um instrumento linguístico e o abordamos como objeto discursivo, isto é, como "um discurso sobre a língua", produzido em "certas condições sociais e históricas" (NUNES, 2010, p. 7). O percurso de nossa análise se organiza em função do objetivo de compreender como certas condições de produção, nas quais se reconfiguram as relações de força, produzem deslocamentos de diversa índole no discurso do dicionário. A textualização da pesquisa se organiza em duas partes. Na primeira, atravessando diferentes condições de produção que vão desde a fundação da RAE, em 1713, à publicação da última edição do DLE, em 2014 refletimos sobre o processo de institucionalização dessa Academia e examinamos os prefácios do dicionário a fim de analisar como são significados a língua, o próprio dicionário, a RAE (e os acadêmicos a ela vinculados) e o "outro", não projetado apenas como possível leitor ou consulente, mas na complexa diversidade de um universo que inclui adversários ou falantes não necessariamente pensados como interlocutores ou sujeitos passíveis de serem atingidos pelo processo de interpelação presente na obra. O movimento de análise permite dar visibilidade aos deslocamentos e continuidades na projeção desses imaginários. Na segunda parte, tendo como foco as condições de produção vinculadas às independências dos países americanos e à imposição do regime franquista na Espanha, analisamos em certos prefácios e verbetes as posições do sujeito discursivo e o modo pelo qual se significam as línguas ameríndias e espanholas que constituem nossa série discursiva. As análises desenvolvidas, além de trazerem elementos para se pensar a circulação do discurso dicionarístico em diferentes conjunturas sócio-históricas, permitem também uma reflexão sobre determinados movimentos no plano da produção de sentidos, em sua imbricação com as relações de poder em importantes momentos na história dos dicionários da Academia.
Título em inglês
The discourse in the Diccionario de la lengua española (RAE) in diverse production conditions: language, subjects and senses
Palavras-chave em inglês
Discourse
Grammatization processes
Interpellation processes
RAE
Spanish language
Resumo em inglês
In this study we propose to analyze the discourse in the Diccionario de la lengua española Dictionary of the Spanish Language (DLE), of the Real Academia Española Royal Spanish Academy (RAE), from a starting point theoretically oriented by the Pecheux Discourse Analysis articulated with the History of Linguistic Ideas, as it has been developed from the 90s on in certain projects in the Brazilian academic studies.Therefore, we consider the dictionary a linguistic instrument and approach it as a discursive object, that is, as "a discourse about the language", produced in "certain social and historical conditions" (NUNES, 2010, p.7). The path of our analysis is organized by the purpose of understanding how specific production conditions, in which strength relations are reconfigured, yield displacement in diverse instances - in the dictionary discourse. The text of the research is organized in two parts. In the first one, going through different production conditions which extent from the foundation of the RAE, in 1713, to the publication of the last edition of the DLE, in 2014 we reflect on the process of institutionalization of this Academy and examine the prefaces of its dictionary in order to investigate how the language, the dictionary itself, the RAE (and the scholars connected to it) and the "other", not projected only as the possible reader or consultant, but in the complex diversity of a universe that includes adversaries or speakers not necessarily thought as interlocutors or subjects that could be affected by the process of interpellation present in that work are meant. This effort of analysis brings to light the displacement and continuities in the projection of theses imaginaries. In the second part, focusing on the production conditions imposed by the American countries independencies and the Franco dictatorship in Spain, we analyze the position of the lexicographic subject and the way in which Native American and Spanish languages that compose our discursive series are meant in certain prefaces and entries. The developed analysis, besides bringing elements to think how the dictionary discourse circulates in different social historic conjunctures, also allows a reflection on particular movements in terms of the production of meaning, in its imbrication with the power relations in important moments in the history of the Academy dictionaries.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.