• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2017.tde-31072017-122908
Documento
Autor
Nome completo
Rafael Barreto do Prado
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Barzotto, Valdir Heitor (Presidente)
Almeida, Rogério de
Carvalho Júnior, Eduardo Sterzi de
Kovalski, Rodrigo Augusto
Mello, Jefferson Agostini
Título em português
Imagens de língua na prosa literária brasileira: as narrativas do século XXI
Palavras-chave em português
Análise do discurso
Circulação do conhecimento
Estruturalismo
Imagem de língua
Literatura brasileira
Produção
Resumo em português
Nesta pesquisa tivemos como objetivo depreender imagens de língua em textos literários da prosa brasileira produzidos no século XXI. O corpus é composto por livros publicados no período de 2001 a 2013 no Brasil. Selecionamos 10 obras, sendo 5 autores; três homens e duas mulheres. Buscamos caminhar no sentido das prerrogativas da análise do discurso e combinar campos em diálogo, tendo como essencial a materialidade do texto. O trabalho realizado, portanto, não pretende se localizar a priori num campo isolado ou determinado da crítica literária ou da análise linguística. Para tanto, tomamos a prosa literária, a princípio, como estrutura textual, estabelecendo dessa forma nosso ponto de partida para efetivar o trabalho com o texto/palavra: realizar leituras investigativas calcadas em mecanismos predominantemente propostos pela Análise do Discurso desenvolvida por Michel Pêcheux e propostos pela vertente estruturalista de Roland Barthes. A partir da análise, respondemos ao questionamento central: quais imagens de língua podem ser depreendidas das narrativas e como tal imagem sustenta uma leitura interpretativa da própria narrativa? Essas duas perguntas nos levaram a observar i. Como a língua (escrita/fala) é retratada de forma explícita e implícita; ii. Quais aspectos linguísticos poderiam ser recorrentes nos textos (variedade línguística, diálogos, erros, sintaxe, metáforas etc); iii. Qual o papel da língua para o funcionamento das ações no enredo de cada livro. Outra ação importante para a investigação aderir à leitura da literatura como produto histórico e social, sendo assim carregada de índices das atuais condições de organização social brasileira. Realizamos a análise pautando-nos em uma construção de um roteiro de análise, desenvolvido a partir das discussões teóricas anteriores e que foi sendo melhor elaborado no percurso desse trabalho. Ao final da pesquisa pudemos considerar a elaboração de cinco hipóteses de imagens de língua, levantadas tendo em vista elementos e funções em circulação no nosso tempo e cultura; assim, temos as imagens: de língua como falha, de língua como marca da história do sujeito, de língua como possibilidades de variadas respostas (versões); da língua como instauradora de realidade e, por fim, de língua espelhada (mundo interno e externo; eu e outro). Com nossa pesquisa, pretendemos contribuir no sentido de compreender que ao dizer da Literatura, dizemos da Língua. Assim, à medida que participamos do debate a respeito do que vem se constituindo como literatura brasileira contemporânea, participamos também do debate para descrever a língua contribuindo para uma visão de caráter emancipatório, ao desvendar alguns mecanismos ideológicos de punição ou impedimento de usos lingüísticos.
Título em inglês
Language images in the Brazilian literary prose: the narratives of the twenty-first century
Palavras-chave em inglês
Brazilian literature
Circulation of the knowledge
Discourse analysis
Language image
Production
Structuralism
Resumo em inglês
In this research we aimed for understand language images in literary texts of the Brazilian prose produced in the twenty-first century. The corpus is composed of books published in the period from 2001 to 2013 in Brazil. We selected 10 oeuvres, being 5 writers; three men and two women. We seek to move towards the prerogatives of discourse analysis and to combine fields in dialogue, having as essential the materiality of the text. The work done, therefore, doesnt intend to be located a priori in an isolated or particular field of the literary criticism or linguistic analysis. Therefore, we take the literary prose, initially, as a textual structure, thus establishing our starting point to carry out the work with the text/word: to carry out investigative readings based on mechanisms predominantly proposed by the Discourse Analysis developed by Michel Pêcheux and proposed by the structuralist aspect of Roland Barthes. As from the analysis, we answer the central question: which language images can be understand from the narratives and how does such an image support an interpretive reading of the narrative itself? These two questions led us to observe: i. How the language (written/speaking) is portrayed explicitly and implicitly; ii. What linguistic aspects can be recurrent in the texts (linguistic variety, dialogues, errors, syntax, metaphors, etc.); iii. What is the role of the language for the operation of the actions in the plot of each book. Another important action for the investigation adheres to the reading of the literature as historical and social product, being thus loaded with indices of the current conditions of Brazilian social organization. We performed the analysis based on a construction of a roadmap of analysis, developed from the previous theoretical discussions and that was better elaborated in the course of this work. At the end of the research we could consider the elaboration of five hypotheses of language images, raised in view of elements and functions in circulation in our time and culture; so, we have the images: of language as failure, of language as a mark of the subjects history, of language as possibilities of varied answers (versions), of the language as a restorer of reality and, finally, of mirrored language (internal and external world; me and another). With our research, we intend to contribute in the sense of understanding that in the saying of the Literature, we say of the Language. Thus, as we participate of the debate about what has been constituted as contemporary Brazilian literature, we also participate of the debate to describe the language contributing to a vision of emancipatory character, when reveal some ideological mechanisms of punishment or impediment of linguistic uses.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-07-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.