• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2012.tde-29082012-103453
Documento
Autor
Nome completo
Nilsa Arean Garcia
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Viaro, Mario Eduardo (Presidente)
Alves, Ieda Maria
Condé, Valéria Gil
Diez, Xoán Carlos Lagares
Maroneze, Bruno Oliveira
Título em português
Aspectos sincrônicos e diacrônicos do sufixo -ístico(a) no português e no galego
Palavras-chave em português
Formação de palavras
Linguística histórica
Morfologia histórica
Sufixação
Sufixo -ístico(a)
Resumo em português
O presente trabalho, resultado das pesquisas do GMHP, Grupo de Mofologia Histórica do Português, procura estudar os aspectos sincrônicos e diacrônicos do sufixo -ístico(a), bem como as relações existentes com o seu desdobramento -ística e com os sufixos -ismo e -ista, no português e no galego, para justificar, então, sua mudança morfológica de atuação deverbal para denominal, bem como as suas demais mudanças semânticas e as línguas responsáveis pela sua disseminação. Para tanto, utilizando-se a metodologia desenvolvida pelo grupo, e com corpora lexicográfico, historiográfico, ademais de literário e jornalístico, procura-se inicialmente por meio da elaboração de uma prospecção geral, estabelecer o período de início de atuação do sufixo além de verificar como é entendido pelas obras lingüísticas atuais nas duas línguas em estudo. Em seguida, estuda-se a sua gênese greco-latina e, posteriormente, sua atuação em outras línguas, como também suas relações sintagmáticas e paradigmáticas com os demais sufixos envolvidos, para se estabelecer uma evolução ao longo dos séculos, por meio da elaboração de classificações semântico-funcionais de cada período estudado, bem como avaliar a importância das línguas de cultura e dos processos de tradução na disseminação dos sufixos em questão. Nesse sentido, com a construção do glossário de datações e abonações de palavras formadas com o sufixo -ística, desdobramento de -ístico(a), pode-se verificar a grande importância da língua alemã, em detrimento da francesa, na veiculação do sufixo. Finalmente, com a análise da produtividade de -ístico(a) no português, mostra-se que um sufixo não é apenas provido de significado semântico e funcional, mas também é constituído vários outros matizes, dentre eles os que caracterizam o gênero textual em que atua.
Título em inglês
Synchronic and diachronic aspects of the suffix -ístico(a) in Portuguese Language and in Galician Language
Palavras-chave em inglês
Historical linguistics
Historical morphology
Suffix -ístico(a)
Suffixation
Word formation
Resumo em inglês
The present work, a result of researches carried out by the GHMP (GMHP in Portuguese) - Group of Historical Morphology of the Portuguese Language - aims at studying both the synchronic and diachronic aspects of the suffix -ístico(a), as well as its existing relations with its evolution -ística and with the suffixes -ismo and -ista in Portuguese and Galician, in order to justify its morphological change from a deverbal to a denominal nature, its further semantic changes as well as the languages responsible for its dissemination. For such, by making use of the method evolved by the group and with lexicographical, historiographical, not to mention literary and journalistic corpora, initially we aim by means of the elaboration of a general prospection, to establish the initial period of functioning of the suffix besides observing how it is understood by the present linguistic works in the two languages under study. Then, its Greco-Latin genesis and subsequently its functioning in other languages are analyzed as well as its syntagmatic and paradigmatic relations with the other suffixes involved in order to establish an evolution throughout the centuries by means of the elaboration of functional-semantic classifications of each period under study, as well as to assess the importance of languages of culture and of processes of translations in the dissemination of the suffixes in question. Thus, with the construction of a glossary of dating and sample sentences of formations with -ística, the evolution of -ístico(a), the great importance of the German language, unlike the French language, in the diffusion of the suffix can be observed. Finally, with the analysis of the productivity of -ístico(a) in Portuguese, it can be demonstrated that a suffix is not only possessed by both a semantic and functional meaning, but is also constituted by various other nuances, among which the ones that characterize the textual gender in which it functions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-08-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.