• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2012.tde-20082012-122825
Documento
Autor
Nome completo
Giovana Thais de Lima Cardoso
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Silva, Luiz Antonio da (Presidente)
Ramos, Paulo Eduardo
Urbano, Hudinilson
Título em português
A presença da oralidade na correspondência amorosa de Fernando Pessoa
Palavras-chave em português
Carta de amor
Discurso
Gênero
Oralidade
Pares conversacionais
Resumo em português
Na atualidade, tanto a língua falada quanto a escrita têm sido analisadas de forma conjunta e não mais dicotomicamente como outrora se fazia. Por meio de estudos atuais, referentes à oralidade e a escrituralidade, é possível inferir que muitas características destes dois meios de manifestação da língua são partilhadas. A ocorrência de tal fenômeno dependerá do nível de formalidade exigido, do gênero em que o discurso está inserido, entre muitos outros fatores. Tendo como base este ponto de vista, a presente dissertação investigará de que maneira as marcas da oralidade apresentam-se no gênero carta, mais precisamente, na correspondência amorosa do poeta Fernando Pessoa remetida à Ofélia Queiroz, e quais são os motivos que justificam este uso. Esta pesquisa, agregada à linha de pesquisa da Análise da Conversação, apoia-se nos postulados de Schegloff e Sacks (1973), Stubbs (1983), Marcuschi (1987, 1993, 1999), Preti (1997, 2003), Urbano et al (2002), Silva (2006, 2009), Andrade e Aquino (2006), Risso (2006), Gómez (2008) entre outros importantes estudiosos. De modo geral, a obra pessoana é bastante analisada do ponto de vista literário, deste modo, tê-la como corpus em uma investigação sobre marcas de oralidade torna-se algo novo e bem atraente aos interessados nessas duas áreas do conhecimento. Todas as cartas amorosas de Fernando Pessoa serão devidamente analisadas pelo ponto de vista acima proposto, a fim de se verificar a existência de marcas de oralidade no texto destacado, principalmente, aquelas relacionadas aos pares conversacionais, marcadores conversacionais e escolhas lexicais típicas da oralidade.
Título em inglês
The presence of orality in the love letters of Fernando Pessoa
Palavras-chave em inglês
Conversational pairs
Discourse
Genre
Love letters
Orality
Resumo em inglês
Currently, both the spoken language and the written language have been analyzed jointly (together) rather than dichotomously they once were. Through current studies about the orality and the scripturalism, it is possible to infer that many features of these two ways of language manifestation are shared. The occurrence of this phenomenon will depend on the level of formality required, the genre in which the speech is inserted, among other factors. From this perspective, the present dissertation will investigate how the orality marks are presented in the letter genre, more specifically, in the love letters of the poet Fernando Pessoa sent to Ophélia Queiroz, and what are the reasons for this use. This dissertation, aggregated to the research line of Conversation Analysis, is based on the postulates of Schegloff e Sacks (1973), Stubbs (1983), Marcuschi (1987, 1993, 1999), Preti (1997, 2003), Urbano et al (2002), Silva (2006, 2009), Andrade e Aquino (2006), Risso (2006), Gómez (2008) among other important researchers. Generally, Pessoas work is analyzed mainly from a literary perspective, thus having it as a research corpus about the orality marks is something new and very attractive to stakeholders in these two areas of knowledge. All letters of Fernando Pessoa will be duly analyzed by the perspective proposed above, in order to check the existence of the orality marks in the selected text, mainly, those related to conversational pairs, conversational markers and lexical choices common to orality.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-08-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.