• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Carolina Carbonari Rosignoli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Svartman, Flaviane Romani Fernandes (Presidente)
Araujo, Gabriel Antunes de
Serra, Carolina Ribeiro
Tenani, Luciani Ester
Título em português
O padrão entoacional das sentenças interrogativas da variedade paulista do português brasileiro
Palavras-chave em português
Domínios prosódicos
Entoação
Fonética e fonologia
Português Brasileiro
Sentenças interrogativas
Resumo em português
Este trabalho trata da descrição e da análise do contorno entoacional total de sentenças interrogativas globais e parciais, neutras e não-neutras, da variedade paulista do português brasileiro (PB). Investigamos a relação entre a associação de eventos tonais ao contorno entoacional dessas sentenças e a formação de domínios prosódicos. Nosso objetivo é identificar padrões entoacionais que codifiquem prosodicamente o significado pragmático dos diferentes tipos de sentenças interrogativas do PB. Partimos da hipótese de que o contorno entoacional total tem papel fundamental na codificação de significados pragmáticos, além do contorno nuclear. Em nosso trabalho, utilizamo-nos de corpora de fala controlada obtida em tarefa de leitura de sentenças interrogativas antecedidas por contextos propícios à produção de diferentes tipos frásicos interrogativos e de fala semicontrolada obtida em tarefa de leitura de mapa em dupla. A descrição e a análise prosódica das sentenças interrogativas de nossos corpora foram feitas à luz da visão integrada entre a abordagem Autossegmental e Métrica da Fonologia Entoacional (Pierrehumbert 1980; Pierrehumbert & Beckman 1988; Ladd 1996, 2008; Jun 2005/2014; entre outros) e a Fonologia Prosódica (Selkirk 1984, 1986, 2000; Nespor & Vogel 1986, 2007). Levamos em conta, para o desenvolvimento das análises desta investigação, os trabalhos desenvolvidos nesse mesmo quadro teórico e aplicados ao português (Frota & Vigário 2000; Tenani 2002; Fernandes 2007a, 2007b, Serra 2009, Toneli 2014; e, mais especificamente para sentenças interrogativas, Moraes 2008, Truckenbrodt, Sandalo & Abaurre 2009, Castelo 2011, 2016 e Frota et. al. 2015a). Os resultados obtidos a partir de nossa investigação revelam que (i) de maneira geral, o contorno nuclear das sentenças interrogativas da variedade paulista do PB tem um padrão ascendente-descendente; (ii) o contorno entoacional total tem papel importante na codificação do significado pragmático da interrogação; (iii) há características prosódicas especiais associadas ao contorno entoacional total que correspondem a significados pragmáticos específicos, como, por exemplo: (a) a marcação prosódica de foco e ênfase que varia a depender do significado pragmático associado à marcação de foco e ênfase nos diferentes tipos frásicos; (b) a associação de downstep ao contorno nuclear de sentenças interrogativas neutras; (c) a associação de upstep marcando o elemento enfático em sentenças interrogativas antiexpectativa; (d) o rebaixamento da gama de variação tonal no trecho do contorno entoacional correspondente à primeira palavra prosódica e o contorno nuclear em sentenças interrogativas retóricas; (e) as diferenças quanto à densidade tonal em sentenças interrogativas neutras e não-neutras; entre outras características prosódicas especiais associadas a significados pragmáticos específicos. Tais resultados revelam o cumprimento dos objetivos da pesquisa e confirmam nossa hipótese inicial de trabalho.
Título em inglês
The intonational pattern of interrogative sentences of the Paulista variety of Brazilian Portuguese
Palavras-chave em inglês
Interrogative sentences
Intonation
Phonetics and Phonology
Prosodic Domains
Resumo em inglês
This study aims to describe the intonational contour of global and partial, neutral and non-neutral interrogative sentences of the Paulista variety of Brazilian Portuguese (BP). We investigate the relation between tonal events assignment and the formation of prosodic domains. Our goal is to find intonational patterns that codigy pragmatic meaning of different clause types of BP interrogative sentences. Our hypothesis is that the total contour has a fundamental role in codifying pragmatic meaning, besides the nuclear contour. In our work, the corpora analyzed includes controlled speech data obtained in a reading task that exposed interrogative sentences along with context to elicit the production of interrogatives with different pragmatic meanings and semicontrolled speech data recorded in a map task. The description and the prosodic analysis of the intonational phrasing of the interrogative sentences of our corpora were developed according to an integrated view of the Autossegmental Metrical approach within the framework of Intonational Phonology (Pierrehumbert 1980; Pierrehumbert & Beckman 1988; Ladd 1996, 2008; Jun 2005/2014; entre outros) and the Prosodic Phonology framework (Selkirk 1984, 1986, 2000; Nespor & Vogel 1986, 2007). Our analysis take into account previous works developed in this same framework and applied to Portuguese (Frota & Vigário 2000; Tenani 2002; Fernandes 2007a, 2007b, Serra 2009, Toneli 2014; and, more specifically regarding interrogative sentences, Moraes 2008, Truckenbrodt, Sandalo & Abaurre 2009, Castelo 2011, 2016 e Frota et. al. 2015a). The results achieved through this investigation reveal that (i) in general, the nuclear contour of interrogative sentences of the Paulista variety of BP show a rising-falling pattern; (ii) the total contour plays an important role in conveying pragmatic meaning of questions; (iii) there are special prosodic characteristics assigned to the total contour that correspond to specific pragmatic meaning, such as: (a) focus and emphasis marking that varies depending on the pragmatic meaning associated with different phrase types; (b) downstep association to the nuclear contour in neutral interrogative sentences; (c) upstep association to the emphatic element in counter expectation sentences; (d) lower tessiture of the range of variation in the portion of the intonational contour corresponding to the first prosodic word and the nuclear contour in rhetoric questions; (e) differences in tonal density between neutral and non-neutral sentences; among other prosodic characteristics associated with specific pragmatic meaning. These results confirm lead us to achieve our objectives and confirm our main hypothesis.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-10-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.