• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Narayan Pereira Porto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Módolo, Marcelo (Presidente)
Fernandes, Nathalia Reis
Furtado, Joaci Pereira
Negro, Helena de Oliveira Belleza
Título em português
Feitiçaria paulista: transcrição de processo-crime da Justiça Eclesiástica na América portuguesa do século XVIII
Palavras-chave em português
Codicologia
Filologia
Inquisição
Jundiaí
Paleografia
São Paulo colonial
Transcrição semidiplomática
Resumo em português
O objetivo da presente dissertação é a transcrição semidiplomática e análise filológica de um processo inquisitorial aberto pela Justiça Eclesiástica paulista, no ano de 1754, em Jundiaí, no qual as rés, Thereza Leyte e Escholastica Pinta da Silva (mãe e filha) são acusadas de matar o primeiro marido de Escholastica utilizando-se de feitiços, de matarem outros homens e de terem pacto com o demônio. A pesquisa procura também contribuir para elucidar o modo pelo qual o Tribunal do Santo Ofício agiu na Europa e na América portuguesa, buscando esclarecer sua atuação no Brasil colonial. Além disso, é apresentado um estudo codicológico e paleográfico da documentação, abordando aspectos relacionados ao papel utilizado, às tintas, às abreviaturas e a outros aspectos relacionados à escrita da língua portuguesa no século XVIII. Ao final do trabalho, é apresentada a transcrição semidiplomática da documentação, juntamente com os fac-símiles dos manuscritos originais.
Título em inglês
Witchcraft from São Paulo: transcription of a lawsuit by the Ecclesiastical Court in Portuguese America of the 18th century
Palavras-chave em inglês
Codicology
Colonial São Paulo
Inquisition
Jundiaí
Paleography
Philology
Semidiplomatic transcription
Resumo em inglês
The present thesis aims to offer the semidiplomatic transcription and philological analysis of an inquisitorial lawsuit started by the Ecclesiastical Court from São Paulo, in 1754, in Jundiaí, in which the defendants, Thereza Leyte and Escholastica Pinta da Sylva (mother and daughter), are accused of killing Escholasticas first husband by means of witchcraft. They are also accused of killing other men and of having a pact with the devil. The research also seeks to contribute to elucidate the means through which the Holy Office acted in Europe and in Portuguese America, with the objective of enlightening its actuation in colonial Brazil. Furthermore, a codicological and paleographic study of the documentation is presented, approaching aspects related to the paper used, the inks, the abbreviation system and other aspects related to the Portuguese language writing in the 18th century. At the end of the paper, the semidiplomatic transcription is presented along with the facsimiles of the original manuscripts.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-05-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.