• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2013.tde-26052014-093131
Documento
Autor
Nome completo
Edelsvitha Partel Murillo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Dick, Maria Vicentina de Paula do Amaral (Presidente)
Isquerdo, Aparecida Negri
Keppler, Sandra Regina
Ribeiro, Jose Alcides
Sansone, Olga Ferreira Coelho
Título em português
Estudo toponímico do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira, Petar: historicidade e etnicidade nos aspectos conceituais dos nomes de lugar
Palavras-chave em português
Metáfora
Metonímia
Petar
Toponímia
Vale do Ribeira
Resumo em português
A região do Vale do Ribeira, ao sul do Estado de São Paulo, abriga a maior concentração de remanescentes de Mata Atlântica do Brasil. O Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira, Petar, entre os municípios de Iporanga e Apiaí, representa parte significativa desse bioma. Inserida nesse ambiente de mata preservada existe uma população que luta pelo resgate de sua história e identidade étnico-cultural. A nomenclatura toponímica, objeto desta pesquisa, determina significações atribuídas pelos grupos humanos que ocupam ou ocuparam a região configurando territorialidades específicas marcadas, principalmente, pelas comunidades rurais: grupos quilombolas que vivem na região desde os primórdios da colonização e pequenos agricultores que trabalham a terra para garantir a subsistência de sua família e da comunidade. Há, ainda, uma pequena comunidade urbana constituída, principalmente, por antigos moradores bastante identificados com as especificidades do lugar assim como grupos mais recentes ligados às atividades de pesquisa, turismo e espeleologia, grupos estes constituídos em função do Petar. Optou-se pela análise dos nomes de lugar levando-se em consideração as camadas toponímicas fundamentadas na historiografia da região, posto que as camadas explicariam as relações que, em diferentes épocas, o homem manteve com o lugar, pontuando interações importantes da população local com o ambiente: a primeira camada é marcada pela comunidade indígena que ocupava a região antes da chegada dos colonizadores europeus; a segunda está relacionado à chegada dos colonizadores, está implícita, nesse contexto, a comunidade negra que é decisiva na conquista dos territórios do Alto Ribeira, e a terceira relaciona-se à nova configuração da região como área de preservação ambiental e a constituição das Unidades de Conservação. As alterações ocorridas no espaço espelham as modificações que aconteceram na estrutura socioeconômica da comunidade e, consequentemente, estão refletidas na relação significante/significado do signo toponímico. Nesse sentido, o topônimo seria um elemento importante na constituição do conceptus do lugar. Seguiu-se a metodologia do Projeto ATESP, coordenado por Dick (1999), que tem por objetivo definir as origens dialetais e motivadoras das ocorrências toponomásticas do Estado de São Paulo. O Plano de Manejo do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira-Petar foi a base para o levantamento dos topônimos. Os dados históricos foram coletados em livros de vários autores, na prefeitura de Iporanga e, principalmente, em trabalhos acadêmicos desenvolvidos em universidades. Além disso, para que se pudesse compreender a complexidade do entorno do Petar, várias visitas ao local foram realizadas.
Título em inglês
Toponymic study of Tourist State Park of Alto Ribeira, Petar: historicity and ethnicity on conceptual aspects of place names
Palavras-chave em inglês
Metaphor
Metonymy
Petar
Toponymy
Vale do Ribeira
Resumo em inglês
Vale do Ribeira region, southern São Paulo, has the largest concentration of remaining Atlantic Forest of Brazil. Alto Ribeira Tourist State Park, Petar, between the municipalities of Iporanga and Apiaí represents a significant part of this biome. Inserted in this preserved forest environment there is a population who fights for the recovery of its history and ethno-cultural identity. Toponymic nomenclature, object of this research, determines meanings assigned by groups of people who occupy or occupied the region, setting specific territorialities marked mainly by rural communities: Maroons groups living in the region since the early days of colonization and small farmers who work the land for ensure the survival of their family and community. There is also a small urban community mainly consisting of ancient residents heavily identified with place specifics as well as newer groups linked to research activities, tourism and speleology, such groups constituted because of Petar. We decided for the analysis of place names taking into account toponymic layers grounded in the historiography of the region, since these layers explain the relations at different times man had with the place, drawing attention to important interactions of local population with the environment. The first layer is marked by the indigenous community who occupied the region before the arrival of European settlers; the second is related to the arrival of settlers, and has implicit the African community, decisive in the conquest of Alto Ribeira territories; the third is about the new configuration of the region as an area of environmental preservation and the establishment of Protected Areas. Changes in the space reflect the changes that happened in the socioeconomic structure of the community, consequently appearing in the signifier/signified relation inside the toponymic sign. In this regard, Toponym would be an important element in the constitution of the conception of the place. It was followed ATESP Project methodology, coordinated by Dick (1999), which aims to define dialectal origins and motivating occurrences in Toponomastics in São Paulo State. The Management Plan for Alto Ribeira Tourist State Park Petar was the basis for toponymic survey. Historical data were collected in various authors books, in Iporanga City Hall, and especially in academic papers developed at universities. Furthermore, so that one could understand the complexity surrounding the Petar, it was done several visits to Petar.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-05-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.