• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-13112007-105202
Documento
Autor
Nome completo
Serafina Vallejo Gómez
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Pietroforte, Antonio Vicente Seraphim (Presidente)
Diez, Xoán Carlos Lagares
Gonzalez, Neide Therezinha Maia
Título em português
A categoria do tempo na língua espanhola: uma abordagem semiótica
Palavras-chave em português
Anterioridade
Concomitância
Enunciação
Enunciado
Posterioridade
Resumo em português
Aceitando que existe um tempo lingüístico distinto do tempo físico ou do tempo cronológico, este trabalho visa o estudo do sistema temporal no español utilizando como modelo teórico as propostas de José Luiz Fiorin em As astúcias da enunciação. Desde o ponto de vista da teoria semiótica, adotada no presente trabalho, o sentido constrói-se por um percurso gerativo em três níveis: fundamental, narrativo e discursivo. A enunciação, como ato produtor de um enunciado, é a instância encarregada de instaurar no nível discursivo as categorias de pessoa, tempo e espaço. A partir do momento da enunciação estabelecem-se três momentos de referência, um momento de referência concomitante e dois não concomitantes com o momento da enunciação, o momento de referência da anterioridade e o momento de referência da posterioridade. Por sua vez cada um desses momentos de referência desdobram-se em momentos do acontecimento, igualmente concomitantes e não concomitantes (anteriores e posteriores). Os tempos verbais que exprimem a relação de concomitância configuram o sistema enunciativo e os tempos que explicam a relação de não concomitância com o momento da enunciação conformam o sistema enuncivo. São estudadas as relações dos tempos verbais do español a respeito do momento da enunciação e as diferentes posições que ocupam nos sistemas tanto enuncivo quanto enunciativo, os usos fundamentais e as possíveis neutralizações em determinados contextos ou em função da intenção do enunciador. A verificação do modelo teórico se faz extensiva às mudanças ocorridas tanto no estilo direto, o narrador delega a voz a um interlocutor, quanto no estilo indireto, na passagem de dois momentos de enunciação para um só. Não serão esquecidas as correlações temporais e as relações que os tempos do subjuntivo estabelecem com o verbo principal e, portanto, com o momento de referência dele.
Título em inglês
The Spanish time system : a semiotic approach
Palavras-chave em inglês
Anterior
Concomitant
Enunciation
Posterior
Statement
Resumo em inglês
Accepting there is a linguistic tense different from physical or chronological time, this work aims the studying of Spanish time system by using the theoretical model proposed by José Luiz Fiorin in his As astúcias da enunciação. From the point of view of Semiotic theory, adopted in this work, the meaning is constructed by a generative process in several levels, fundamental, narrative and discursive. Enunciation, as a producer fact of a statement, is the instance in charge to initiate in a discursive level the categories of person, time and space. From the moment of enunciation they are created three moments of reference: one moment of concomitance reference and two non-concomitance with the moment of enunciation, the moment of anterior reference and the moment of posterior reference. At the same time, each one of these moments of reference is separated into moments of occurrence, equally concomitance and nonconcomitance (anterior and posterior). The verbal tenses that express the relationship of concomitance configure the enunciative system and verbal times express the relationship of not-concomitance configure the enuncive system. First, they will be studied the relationship of Spanish verbal tenses regarding the moment of the enunciation and different positions they occupy in the systems both enuncive and enunciative. Second, they will be also studied the fundamental uses and possible verbal neutralizations in specific contexts or depending of the writer´s intention. Finally, the verification of Fiorin model is extended to the changes done in the direct style, when the narrator delegates the voice to one interlocutor, as much as in the indirect style, when the two moments of enunciation become just one. They will not been forgotten time correlations and the relationship of the subjunctive tenses establish with the main verb; therefore, with the moment of its reference.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-01-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.