• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-12062013-105426
Documento
Autor
Nome completo
Adan Phelipe Cunha
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Sansone, Olga Ferreira Coelho (Presidente)
Gonçalves, Rodrigo Tadeu
Petter, Margarida Maria Taddoni
Título em português
A emergência da hipótese do Relativismo Linguístico em Edward Sapir (1884-1939)
Palavras-chave em português
Edward Sapir (1884-1939)
Estruturalismo
Hipótese Sapir-Whorf
Linguística do século XX
Relativismo linguístico
Resumo em português
Esta dissertação teve por objeto delinear alguns fatores relativos ao processo de emergência da leitura dos trabalhos do linguista e antropólogo norte-americano Edward Sapir (1884-1939) como um dos proponentes de um conjunto de afirmações acerca da natureza das línguas naturais, agrupadas sob o rótulo relativismo linguístico, cujo debate recebeu bastante atenção dos antropólogos linguistas estadunidenses, na primeira metade do século XX. Costuma-se afirmar que o relativismo linguístico seja uma hipótese, que alega que a língua pode moldar a percepção da realidade, o pensamento ou a cultura. Visto o nome de Sapir estar associado ao de Whorf, como o rótulo hipótese Sapir-Whorf indica, e que este rótulo tem sido bastante utilizado atualmente para se referir ao relativismo linguístico, efetuou-se o rastreamento de alguns conceitos fundamentais nesta discussão, dentro do quadro teórico proposto por Sapir, tal como suas concepções acerca da língua, da cultura e do pensamento, com vistas a avaliar a procedência de sua recepção como um relativista. Havido sido este trabalho conduzido sob a metodologia da Historiografia Linguística, buscamos também resgatar os fatores contextuais nos quais tais proposições teóricas emanaram. Por fim, propomos a discussão da configuração do termo relativismo no horizonte teórico do autor, visando fornecer uma perspectiva de leitura diferente da proposta, atualmente, por inúmeros manuais de História da Linguística.
Título em inglês
The emergence of the hypothesis of linguistic relativity in Edward Sapir (1884-1939)
Palavras-chave em inglês
Edward Sapir (1884-1939)
Linguistic relativity
Sapir-Whorf hypothesis
Structuralism
XX-century linguistics
Resumo em inglês
This dissertation had as its objective to outline some factors related to the emergence process of reading the American anthropologist and linguist Edward Sapirs (1884- 1939) papers as one of the proponents of a set of assertions about the nature of natural languages, grouped under the label linguistic relativity, whose debate received much attention from American linguistic anthropologists, during the first half of the twentieth century. It is often said that the linguistic relativity is a hypothesis, which argues that language can shape the perception of reality, thought or culture. Since Sapirs name has been associated with Whorfs, as the label Sapir-Whorf hypothesis indicates, a term widely used today to refer to linguistic relativity, we carried out tracking of some fundamental concepts in this discussion, within the theoretical framework proposed by Sapir, as his conceptions of language, culture and thought, in order to assess the merits of its reception as a relativist. As this research was conducted under the methodology of Linguistic Historiography, we have also sought to rescue the contextual factors in which such theoretical propositions have emanated. Finally, we propose to discuss the setting of the term relativism in the author's theoretical horizon, aiming to provide a reading perspective fairly different from the ones proposed currently by numerous handbooks on the History of Linguistics.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-06-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.