• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2018.tde-30102018-161156
Documento
Autor
Nome completo
Ygor Klain Belchior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Guarinello, Norberto Luiz (Presidente)
Azevedo, Sarah Fernandes Lino de
Faversani, Fábio
Oliveira, Julio Cesar Magalhães de
Silva, Marcelo Candido da
Título em português
Iam victum fama non visi Caesaris agmen (Luc. Phars. 2, 600): os boatos nas guerras civis entre Pompeu e César (54-48 a.C.)
Palavras-chave em português
Boatos
César
Fama
Guerras civis
Pompeu
Resumo em português
O estudo analisa a influência dos boatos na vitória de César sobre Pompeu, ocorrida nas guerras civis de 49 e 48 a.C. Apesar do breve período de disputas, tem como recorte temporal os anos de 54 a 48 a.C., pois foi aí que apareceram os primeiros boatos das lutas entre os generais. Para tanto, toma como fontes obras de gêneros literários variados, situadas entre os séculos I a.C. e IV d.C. Dentro de tal corpus, destacam-se os Comentários sobre as Guerras Civis, redigidos por César, as Cartas a Ático e as Cartas aos Amigos, escritas por Cícero, e a Farsália, composta por Lucano. O referencial teórico abrange os conceitos de boato, janelas de oportunidades, ação coletiva e memória social. O objetivo geral é compreender a relação entre uma stasis, a propagação de boatos e a mobilização dos grupos. Seguem-no os objetivos específicos, por meio dos quais o estudo analisa de que modo as ações coletivas oportunizavam vantagens ou desvantagens militares, e também precisa como a formação de alianças tornou César o favorito ao sucesso. Considera que os boatos foram decisivos para o triunfo cesariano, pois contribuíram para a conquista de apoio, a rendição de cidades e a aquisição de recursos.
Título em inglês
Iam victum fama non visi Caesaris agmen (Luc. Phars. 2, 600): the rumors in the civil wars between Pompey and Caesar (54-48 BC.)
Palavras-chave em inglês
Caesar
Civil wars
Fama
Pompey
Rumours
Resumo em inglês
This work analyses the influence of rumours concerning the victory of Caesar over Pompey during the civil wars in 49 and 48 BC. Despite the brief period of disputes, this study considers a time frame that encompasses the years from 54 to 48 BC, for it was during this period that appeared the first rumours about the dispute between these generals. For this end, the study takes as sources works of varied literary genres from the 1st Century BC to the 4th Century AD. Within such a corpus, we highlight the Commentaries on the Civil War, written by Caesar, the Letters to Atticus and the Letters to Friends, authored by Cicero, and the Pharsalia, written by Lucan. The theoretical references embrace the concepts of rumour, windows of opportunity, collective action and social memory. The general purpose of this research is to understand the relation between a stasis, rumour spread and the mobilization of groups. The specific objectives concern the understanding of how the collective actions propitiated military advantages and disadvantages; also they specify how the formation of alliances made Caesar the favourite to succeed. It is considered that the rumours were decisive for the triumph of Caesar, due to their contribution regarding the obtainment of support, the surrender of cities and the acquisition of resources.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-10-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.