• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2018.tde-25102018-135900
Documento
Autor
Nome completo
Elisabet Maria Prudant Soto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Soares, Gabriela Pellegrino (Presidente)
Castro, Ana Claudia Scaglione Veiga de
Hosiasson, Laura Janina
Pinochet, Rodrigo Booth
Villaça, Mariana Martins
Título em português
Modernização urbana e mobilidade: itinerários do bonde em Santiago do Chile, 1857-1934
Palavras-chave em português
Bonde
Mobilidade
Modernização
Santiago do Chile
Urbanização
Resumo em português
A tese aprofunda-se na história do primeiro meio de transporte destinado à mobilidade pública e coletiva de passageiros que circulou sistematicamente pelas ruas de Santiago do Chile, além de ter sido o mais utilizado em tal cidade até a década de 1930. A análise proposta percorre uma perspectiva dialética que busca reconstruir a contribuição desse veículo para a modernização da capital chilena, reconhecendo-o, para tanto, como um artefato sócio-técnico produtor de mobilidade urbana, ao mesmo tempo que um produto emblemático das necessidades e expectativas introduzidas pelo ideário do progresso da sociedade chilena. O objetivo da tese é estudar a importância do bonde em três planos ou, melhor dito, fazendo três paradas em seu itinerário histórico: como artefato que articulou relações produtivas específicas; possibilitou a introdução de novas tecnologias para o movimento que modificariam as formas através das quais a população reconheceria a cidade; e facilitou a concepção e organização da circulação na imaginação urbana.
Título em inglês
Urban modernization and mobility: tram itineraries in Santiago, Chile, 1857-1934
Palavras-chave em inglês
Mobility
Modernization
Santiago de Chile
Tramway
Urbanization
Resumo em inglês
This thesis provides an in-depth history of the first mode of transportation intended for public and collective mobility of passengers that circulated systematically through the streets of Santiago de Chile. The tramway was the citys most used transit system until the 1930s. The proposed analysis adopts a dialectical perspective that aims to reconstruct the contribution of such vehicle to the modernization of the Chilean capital. For that purpose, the tram is conceived as a socio-technical artifact that produced urban mobility, and at the same time as an emblematic product of the needs and expectations the ideology of progress introduced into the Chilean society. The aim of the thesis is to study the importance of the tram in three levels or, rather, making three stops along its historical itinerary: as a device that articulated specific relations of production; made possible the introduction of new mobility technologies that modified the ways in which the population recognized the city; and facilitated the conception and organization of circulation in the urban imagination.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-10-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.