• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2015.tde-09102015-132717
Documento
Autor
Nome completo
Marcela Cristina de Oliveira Morente
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Carneiro, Maria Luiza Tucci (Presidente)
Aquino, Maria Aparecida de
Rago, Luzia Margareth
Título em português
Invadindo o mundo público. Movimentos de mulheres (1945-1964)
Palavras-chave em português
Comunismo
DEOPS/SP
Ideologia
Mulher
Propaganda
Repressão
Resistência
Resumo em português
Esse estudo tem como proposta analisar a inserção feminina na esfera pública, através dos movimentos de mulheres e associações femininas fichadas pelo DEOPS/SP, entre os anos de 1945 e 1964. Nos propomos a identificar seus objetivos, projetos, estrutura funcional, estratégias de divulgação e atração de novas filiadas e, também, analisar o perfil político e social das mulheres que se filiaram como militantes desses movimentos e associações. Também pretendemos entender os mecanismos de repressão e manutenção da Ordem defendida pelo Estado, através de seu órgão repressor, a Polícia Política. Após o fim do governo autoritário de Vargas, em 1945, o Brasil vivenciou o retorno da democracia, com o restabelecimento de governos eleitos diretamente pelo povo e um considerável desenvolvimento econômico. As mulheres já se destacavam ocupando importante parcela do operariado paulista, garantindo alguns direitos civis, como o voto. Ainda assim, os movimentos de cunho popular ainda eram vistos pelo Estado como potencialmente perigosos, e por isso merecedores de uma estreita vigilância por parte da Polícia Política. Entre as ações de resistência, os movimentos e associações de mulheres tiveram um papel destacado, pois além de representarem uma ameaça à ordem estabelecida, essas mulheres também representavam uma ruptura com o discurso oficial sobre o papel feminino, que idealizava a mulher brasileira como a boa mãe e boa esposa, com seu espaço circunscrito ao seu lar. A organização de associações e movimentos de mulheres contribuiu para o fortalecimento da presença feminina na esfera pública, impondo-se como agente social. Interessa-nos resgatar as histórias de luta destas mulheres, na sua maioria anônimas.
Título em inglês
Invading the Public World: Womens Movement (1945-1964)
Palavras-chave em inglês
Communism
DEOPS/SP
Ideology
Propaganda
Repression
Resistance
Woman
Resumo em inglês
This study has the purpose to analyze the inclusion of women in the public sphere, through the women movements and female associations filed by DEOPS/SP, between the years of 1945 and 1964. We propose to identify its objectives, projects, functional structure, dissemination strategies and the attraction of new affiliated and, also, analyze the social and politic profile of the women who have affiliated as militants from these movements and associations. We also have the intention to understand the mechanism of repression and maintenance of the Order defended by the State, through the repressor organ, the Politic Police. After the end of the Vargas' authoritarian government, in 1945, Brazil experienced the return of democracy, with the reestablishment of governments elected directly by the people and a considerable economic development. The women have already stood out by occupying an important part of the São Paulo State's workforce, ensuring some civil rights, as the vote. Nevertheless, the popular movements were still seen by the State as potentially dangerous, and because of this, deserved of a strict vigilance by the Politic Police. Among the resistance actions, the women movements and associations have had a distinguished role, this besides they represent an established order's threat, these women also represented a rupture with the official speech about the female role, which idealized the Brazilian woman as a good mother and wife, with her space confined to her home. The women associations and movement's organization contributes to the strength of the female presence on the public sphere, imposing itself as a social agent. It's interesting to us rescue histories of these women fights, mostly anonymous
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-10-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.