• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2011.tde-06092012-171107
Documento
Autor
Nome completo
Jose Carlos Vilardaga
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Wissenbach, Maria Cristina Cortez (Presidente)
Borrego, Maria Aparecida de Menezes
Cosentino, Francisco Carlos Cardoso
Marins, Paulo César Garcez
Zeron, Carlos Alberto de Moura Ribeiro
Título em português
São Paulo na órbita do Império dos Felipes: conexões castelhanas de uma vila da América Portuguesa durante a União Ibérica (1580-1640)
Palavras-chave em português
Castelhanos
Histórias conectadas
Império
São Paulo
União Ibérica
Resumo em português
Este trabalho tem como objetivo analisar alguns dos impactos do processo macro-político gerado pela União das Coroas Ibéricas (1580-1640) na lógica local, de um espaço colonial, representado pela vila de São Paulo de Piratininga. Entende-se que, efetivamente, o mundo português, tanto em seu viés peninsular, quanto colonial, foi incorporado aos quadros da monarquia católica liderada pelos reis castelhanos, da dinastia Habsburgo os Filipes -, nesse contexto. Assim sendo, os projetos, as políticas, intenções e práticas emanados do império chegavam, de maneira não necessariamente linear nem homogênea, aos mais diversos rincões de sua espacialidade. De qualquer forma, buscou-se aqui compreender como estas normas e determinações da monarquia foram atravessadas pelos agentes de poder, pelas elites locais, instituições, realidades econômicas e disputas políticas. Sob esta perspectiva, o trabalho analisa o processo de incorporação e posse da Capitania de São Vicente na nova lógica monárquica implantada em Portugal a partir de 1580; os sonhos minerais projetados e implantados em São Paulo pelo governador geral D. Francisco de Souza, bem como sua prática política na vila em expansão; as conexões horizontais estabelecidas entre a vila paulista e a região paraguaia, em especial o Guairá, numa perspectiva que nos permita ir além das bandeiras de puro apresamento; e os processos de demarcação e definição de identidades, vivenciados pela Península, pari passu com as colônias nas décadas de 1630 e 1640, e os reflexos da distensão representada pela Restauração portuguesa na vila de São Paulo. Como elemento que norteia todo o período, o trabalho procura recuperar alguns dos vestígios da presença de uma população de origem castelhana, marcante na vila paulista do período, bem como identificar alguns de seus laços e conexões.
Título em inglês
São Paulo in the orbit of the empire of Philip: connections of a Castilian village of Portuguese America during the Iberian Union (1580-1640)
Palavras-chave em inglês
Castilian
Connected histories
Empire
Iberian Union
São Paulo
Resumo em inglês
This study aims to examine some of the impacts of the macro-political process generated by the Union of Iberian Crowns (1580-1640) in the local logic of the colonial space represented by the village of São Paulo of the Piratininga. It is understood that the Portuguese world, both in its peninsular and colonial bias, was indeed incorporated into the framework of the Catholic monarchy led by the Castilian monarchs, the Habsburg dynasty - the Philips - in this context. Thus, projects, policies, intentions and practices emanating from the empire came, not necessarily in a linear or homogeneous manner, to the most diverse corners of its space. In this paper, we have attempted to understand how these rules and regulations of the monarchy were traversed by the agents of power, by local elites, institutions, economic realities and political disputes. From this perspective, the paper analyzes the process of incorporation and ownership of the Captaincy of São Vicente in the new monarchical logic implemented in Portugal since 1580; dreams of minerals designed and deployed in Sao Paulo by the Governor General D. Francisco de Souza, as well as his political practice in the expanding village; the horizontal connections established between the village of São Paulo and the region of Paraguay, in particular La Guaira, a perspective that allows us to go beyond the bandeiras (exploration groups) of sheer capture; the processes of demarcation and definition of identity, experienced by the Peninsula, pari passu with the colonies in the 1630s and 1640, and the effects of détente represented by the "Restoration" in the Portuguese town of São Paulo. As an element that guides the entire period, the paper seeks to recover some of the traces of the presence of a population of Castilian origin, a striking presence in the village of São Paulo at the time, as well as identify some of their ties and connections.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-09-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.