• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2006.tde-06072007-113124
Documento
Autor
Nome completo
Maria Antonia Dias Martins
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Capelato, Maria Helena Rolim (Presidente)
Pinto Filho, Julio Cesar Pimentel
Ramos, Rosangela Patriota
Título em português
Literatura portuguesa de resistência: a mulher, a guerra e o intelectual como armas de luta contra o salazarismo
Palavras-chave em português
Condição feminina portuguesa
Guerra Colonial
Literatura
Portugal
Salazarismo
Resumo em português
O trabalho aborda a literatura portuguesa de resistência à ditadura imposta pelo Estado Novo português no que se refere aos temas relacionados à condição da mulher portuguesa, à guerra colonial e ao escritor militante. O período estudado se estende de 1968 à 1974 - governo Marcelo Caetano - marcado por crescente insatisfação popular que resultou na Revolução dos Cravos. As obras analisadas são: "Novas Cartas portuguesas", escrita por Maria Isabel Barreno, Maria Teresa Horta e Maria Velho da Costa, publicada em 1972 que trata da questão feminina; "O capitão Nemo e eu", de Álvaro Guerra, publicado em 1973, que retrata lembranças da guerra na Guiné de um ex-soldado português e "Contos da Solidão" de Urbano Tavares Rodrigues, publicado em 1970, livro escrito quando o autor encontrava-se preso acusado de conspirar contra o governo. Estas obras foram selecionadas por exprimirem sentimentos e percepções considerados significativos para a compreensão do ambiente pré-revolucionário português
Título em inglês
Portuguese literature of resistance: the woman, the war and the intellectual like arms to fight against Salazarismo
Palavras-chave em inglês
Colonial war
Literature of resistance
Portugal
Portuguese woman status
Salazarismo
Resumo em inglês
This study deals with the Portuguese literature of resistance against the dictatorship imposed by the Portuguese New State, referring to the topics related to Portuguese woman status, to colonial war and to the militant writer. The studied period lasts from 1968 to 1974 - Marcelo Caetano administration - which was marked by increasing popular dissatisfaction until the coming out of the movement which resulted in the Revolução dos Cravos. The analyzed works were: "Novas Cartas portuguesas", written by Maria Isabel Barreno, Maria Teresa Horta and Maria Velho da Costa, published in 1972, which deals with the feminine matter; "O capitão Nemo e eu", by Álvaro Guerra, published in 1973, which portrays memories of the war in Guinea of a Portuguese ex-soldier and "Contos da Solidão", by Urbano Tavares Rodrigues, published in 1970 and written when the writer was imprisoned accused of conspiring against the government. These works were selected because they express the feelings and perceptions that are considered significant to the understanding of the Portuguese pre-revolutionary environment
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-08-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.