• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-04102016-130459
Documento
Autor
Nombre completo
André Nicacio Lima
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2016
Director
Tribunal
Dantas, Monica Duarte (Presidente)
Carvalho, Marcus Joaquim Maciel de
Dolhnikoff, Miriam
Machado, André Roberto de Arruda
Sena, Ernesto Cerveira de
Título en portugués
Rusga: participação política, debate público e mobilizações armadas na periferia do Império (província de Mato Grosso, 1821-834)
Palabras clave en portugués
Brasil imperial
Imprensa
Mato Grosso
Rebelião
Rusga
Resumen en portugués
A investigação tem por objetivo compreender as motivações, ideários e estratégias dos diferentes grupos que protagonizaram uma mobilização armada ocorrida na província de Mato Grosso no ano de 1834. Iniciada com a tomada do quartel de Cuiabá pela guarda nacional, na noite de 30 de maio, a Rusga teve como objetivo principal assassinar os homens nascidos em Portugal que viviam na província. Para compreender a mobilização, a análise parte da experiência das juntas provisórias criadas na província em 1821, quando teve início um intenso aprendizado da política sob um Estado liberal, constitucional e representativo. Atuando nas novas instituições, no debate público por via da imprensa e no estabelecimento e reiteração de relações de clientela, as lideranças da província se enfrentaram num processo que culminou na formação de dois campos políticos opostos. Em seguida, é abordada uma sedição feita por militares subalternos em 7 de dezembro de 1831. A análise enfoca os aprendizados, a cultura política e as estratégias dos soldados e oficiais inferiores, que já vinham de uma trajetória de contestação que incluía pelo menos quinze revoltas desde 1821. Neste processo, os soldados se tornaram capazes de interferir diretamente nos rumos da política provincial através da mobilização armada. O estudo passa então a tratar do impacto da Abdicação de d. Pedro I na política de Mato Grosso. Naquele contexto, mobilizações com motivações e composições sociais as mais diversas se utilizaram da evocação do direito à resistência e da politização do local de nascimento para chegar a seus objetivos, apropriando-se do ideário do Sete de Abril. Em Mato Grosso, este período foi marcado por conflitos envolvendo a expulsão e desmobilização das tropas, bem como pela organização de um novo partido, alinhado ao poder central e que se tornou capaz de, num único ano, conquistar a maioria em quase todos os espaços eletivos da província, acabando com um longo domínio de um pequeno grupo de homens na política institucional. Por fim, a investigação analisa o massacre ocorrido na Rusga. São enfocadas a situação de suspensão da legalidade criada na província, além das motivações, ideários e estratégias dos protagonistas da perseguição aos nascidos em Portugal, primeiramente em Cuiabá e, em seguida, no interior.
Título en inglés
Rusga: political participation, public debate and armed mobilization in the periphery of Brasilian Empire (province of Mato Grosso, 1821-1834)
Palabras clave en inglés
Imperial Brazil
Mato Grosso
Press
Rebellion
Rusga
Resumen en inglés
This investigation aims to comprehend the motivations, ideas and strategies informing the different groups that had an important role in an armed mobilization that occurred in the province of Mato Grosso during the year of 1834. Initiated with the occupation of Cuiabá city barracks by the National Guard on the evening of May 30th, the so-called Rusga had as its main goal the murder of the Portuguese-born men living in the province. In order to understand the mobilization, the analysis starts with the study of the experience of the provisory juntas created in the province on the year of 1821, marking the beginning of an intense learning of politics under a liberal, constitutional and representative State. Acting in the new institutions, taking part in the public debate through the press and in the establishment and reiteration of clientelistic relations, the provinces leadership was divided by growing internal confrontation, a process that culminated in the formation of two opposed political fields. The thesis continues with the study of a sedition led by subordinate military men on December 7th 1831. The analysis focuses on the learning of politics, the political culture and the strategies of soldiers and lower-ranking officers with a past of insubordination that included at least fifteen revolts since 1821. In this process, the soldiers were able to directly interfere in the path of provincial politics through armed mobilization. Next, the study emphasizes the impact of the Abdication of Emperor d. Pedro I in the politics of Mato Grosso. In that context, mobilizations with diverse motivations and social compositions evoked the right of resistance and benefited from a considerable politicization to achieve their goals, appropriating the ideas that inspired the Abdication. In Mato Grosso, this period was marked by conflicts involving the expulsion and demobilization of troops, as well as the organization of a new party, aligned to the central government and that was capable of, in a single year, conquer majorities in almost all of the elective institutions in the province, ending the long-standing control of a small group of men over the local institutional politics. Finally, the investigation analyses the massacre occurred in the Rusga. The suspension of the rule of law in the province, as well the motivations, ideas and strategies of the persecutors of the Portuguese-born, primarily in the city of Cuiabá and, later, in the countryside, are the focus of this last session
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2016-10-04
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.