• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2008.tde-01082008-114247
Documento
Autor
Nome completo
Andre Rosemberg
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Machado, Maria Helena Pereira Toledo (Presidente)
Dias, Maria Odila Leite da Silva
Fonseca, Marcos Luiz Bretas da
Marins, Paulo César Garcez
Souza, Luis Antonio Francisco de
Título em português
Polícia, policiamento e o policial na província de São Paulo, no final do Império: a instituição, prática cotidiana e cultura.
Palavras-chave em português
controle social
Corpo Policial Permanente
império
mercado de trabalho
polícia
São Paulo
Resumo em português
O presente estudo se debruça sobre a polícia paulista no final do Império em suas variantes corporativas - Corpo Policial Permanente, polícia local e Companhia de Urbanos - a partir de uma abordagem sociocultural do policial e do policiamento. Além de verificar o papel institucional da polícia na construção de um espaço público liberal, por meio do seu evolver normativo, pretendemos dissecar o cotidiano do agente policial na sua rotina de trabalho, nos momentos de lazer e na sua interface com a população nos seus diversos matizes - do escravo ao senhor - para verificar como essa relação influenciava no policiamento. Em outro sentido, pretendemos estudar a construção de uma subcultura policial, alheia aos desígnios da cúpula administrativa, mas imbricada com aspectos culturais populares mais amplos. Buscamos realizar, ainda, um perfil socioeconômico do policial paulista como um recorte válido para análise mais global da população pobre em geral num momento de expansão do mercado de trabalho livre.
Título em inglês
Police, policing and the policemen in the São Paulo State at the end of the Empire: the institution, the job routine and the cultural aspects
Palavras-chave em inglês
Empire
labor market
police
São Paulo province
social control
Resumo em inglês
The present work studies the São Paulo State police at the end of the Empire in its institutional variations - Corpo Policial Permanente, polícia local, e Companhia de Urbanos - through a sociocultural approach of the policemen routine. Aside the analysis of the institutional role of the police in the construction of a public and liberal realm, within its normative evolution, we intend to stress the officer's daily life, either in its job routine or at leisure breaks and its relation to the public - from slaves to slaves owners - trying to understand how this interface influenced policing policies. In another sense, we study the process of the building of a police subculture, beyond the interests of the bureaucracy chiefs, but intimate to a wide range of popular cultural aspects. We seek to determinate a socioeconomic profile of São Paulo State policemen in the end of the Empire, as a valid instrument to the analysis of other strata of the poor population in an important historical period which indicates a growing of the free labor market.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-10-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.