• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Felipe Castilho de Lacerda
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Deaecto, Marisa Midore (Presidente)
Roio, Marcos Tadeu Del
Secco, Lincoln Ferreira
Título em português
Octávio Brandão e as matrizes intelectuais do comunismo no Brasil
Palavras-chave em português
História Cultural
História do Livro
Internacional Comunista
Marxismo
Partido Comunista Brasileiro
Resumo em português
Este trabalho busca elucidar a formação do pensamento comunista no Brasil por meio da análise da primeira recepção do marxismo de matriz bolchevista e sua apropriação por Octávio Brandão. Como apontou Roger Chartier, é mister que os historiadores atentem às condições e aos processos que, muito concretamente, portam as operações de construção de sentido, visando uma história social dos usos e interpretações, referidos às suas determinações fundamentais e inscritos nas práticas específicas que os produzem. Por isso, enseja-se um estudo sobre a formação comunista e suas práticas culturais a partir da análise da edição, da construção do sentido da leitura e do itinerário intelectual de um dos principais responsáveis pela formação militante, Octávio Brandão. O recorte cronológico circunscreve a primeira década de existência do Partido Comunista do Brasil e o momento logo anterior, quando Octávio Brandão publica seus primeiros trabalhos. O estudo da edição comunista e de suas práticas de leitura nos direciona, portanto, à compreensão da recepção do marxismo por parte de Brandão e seus camaradas da direção pecebista nos anos 1920.
Título em inglês
Octávio Brandão and the intelectual matrices of Communism in Brazil
Palavras-chave em inglês
Brazilian Communist party
Communist International
Cultural History
History of Books
Marxism
Resumo em inglês
This work intends to elucidate the constitution of Communist thought in Brazil through the analisis of the first reception of Bolshevik marxism and its appropriation by Octávio Brandão. As pointed out by Roger Chartier, it is vital that historians pay attention to the conditions and processes that very concretely carry the operations of sense building. So that this work aims to study the Communist education and its Cultural practices through the analisis of publishing, of the building up of the sense of reading and of the intelectual itinerary of one of the most important responsibles for the Communist education, Octávio Brandão. The period approached is the first decade of Brazilian Communist Party existence and the just previous moment, when Octávio Brandão publishes his first Works. The study of Communist publishing and its Reading practices conducts to the comprehension of marxism reception by Brandão and his comrades of the PCB during de 1920.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-09-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.