• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-16072007-122847
Documento
Autor
Nome completo
Silvia Carvalho Ricardo
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Ferlini, Vera Lucia Amaral (Presidente)
Puntoni, Pedro Luis
Ricupero, Rodrigo Monteferrante
Título em português
As redes mercantis no final do século XVI e a figura do mercador João Nunes Correia
Palavras-chave em português
Comércio
Cristãos-novos
Empresa açucareira
Expansão ultramarina
João Nunes Correia
Redes mercantis
Resumo em português
A expansão marítima européia dos séculos XV e XVI e as atividades mercantis inerentes a ela provocaram a difusão geográfica das praças de negócio e das fontes fornecedoras de mercadorias, situadas na Ásia, África e América. A complexidade dos novos negócios exigiu a reorganização do trato e das finanças e impôs novas relações entre mercadores e as Coroas portuguesa e espanhola. Nesse contexto, famílias de comerciantes cristãos-novos destacaram-se no trato transcontinental e nas finanças intra e extra-países europeus, organizando-se em redes mundiais de comércio. A expansão comercial atraiu população para locais economicamente dinâmicos, como o Nordeste açucareiro na segunda metade do século XVI. Essa forte emigração coincide com o recrudescimento da ação inquisitorial lusa. Formaram-se redes comerciais ligadas ao açúcar integradas e interconectadas a redes mais complexas, presentes nos mais diferentes e relevantes segmentos do comércio mundial. João Nunes Correia era destacado membro de uma ampla rede de comércio da atividade açucareira, com atuação no financiamento da produção e da organização da empresa sacarina em terras brasílicas e sua inserção no trato mundial
Título em inglês
The commercial network in the final of the 16th century and João Nunes Correia
Palavras-chave em inglês
Commerce
Commercial network
João Nunes Correia
Maritime expansion
New christians
Sugar enterprise
Resumo em inglês
The european maritime expansion of the 15th and 16th centuries as well as the mercantile activities inherent to it provoked a geographical spread of trading centers in addition to supply sources of merchandise situated in Asia, Africa and America. The complexity of the new trade demanded a reorganization of agreements and finances and imposed a new relationship between the merchants and the Portuguese and Spanish Crowns. In this context, the families of new-Christian merchants were outstanding in transcontinental dealings as well as in the finances of intra- and extra-European countries, organizing themselves into a world trading network. This commercial expansion attracted people to economically dynamic locations, such as the sugarproducing Northeast of Brazil during the second half of the 16th century. This prolific immigration coincides with the recrudescence of the Portuguese inquisitorial activities. Commercial networks connected to sugar integrated and interconnected to more complex networks, present in the most diverse and relevant segments of world trade, were formed. João Nunes Correia was a distinguished member of a large network in the sugar trade, active in both the financing of production and the organization of the sugar enterprise in Brazil and its entry into world trade
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-08-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.