• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2008.tde-03122008-144226
Documento
Autor
Nome completo
Alessandra Caetano Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Gallardo, Dario Horacio Gutierrez (Presidente)
Lewkowicz, Ida
Wissenbach, Maria Cristina Cortez
Título em português
Em busca da liberdade: as alforrias em duas regiões do sudeste escravista, 1825-1888
Palavras-chave em português
Alforrias
Escravidão
História do Brasil
Século XIX
Uberaba-MG e Franca-SP
Resumo em português
Este estudo aborda o tema das Cartas de Liberdade com o objetivo de compreender as práticas de manumissões, em Franca e Uberaba. Fundadas e povoadas por migrantes mineiros, essas regiões se caracterizaram por uma economia voltada à pecuária e agricultura de alimentos, cujos excedentes eram comercializados nos mercados locais e regionais. A pequena posse de cativos resultou na proximidade entre senhores e seus poucos escravos, sendo, portanto, um dos fatores que facilitaram a conquista da alforria. O uso de métodos quantitativos e a análise qualitativa das alforrias mostraram as especificidades contidas no processo de manumissão, nas relações escravistas, e das táticas usadas pelos cativos na conquista da liberdade. Enquanto, de um lado, os senhores utilizaram da alforria como método de controle da escravaria, de outro, os escravos foram sujeitos que empregaram as mais diversas estratégias para a conquista da liberdade, o que mostra que o processo de manumissão também foi um fenômeno ocorrido em ambientes tipicamente rurais
Título em inglês
In search of freedom: manumissions in two regions of the slaveholding Southast, 1825-1888
Palavras-chave em inglês
19th century
Brazil
History
Manumission
Slavery
Uberaba - MG e Franca - SP
Resumo em inglês
The present study addresses the issue of the Certificates of Freedom in order to understand the practices of manumissions in Franca and Uberaba, Brazil, during the XIX century. Founded and populated by migrants from Minas Gerais, those regions’ economies were characterized by livestock and agricultural food production, which surpluses were sold in the local and regional markets. The small slave possession resulted in a proximity between slaveholders and their few slaves, being, therefore, one of the facts which made the achievement of manumission easier. The use of quantitative methods together with the qualitative analysis of the certificates of freedom have shown peculiarities of the manumission processes, of the slavery relationships, and of the tactics applied by the captive in order to obtain freedom. While, on one hand, masters used freedom as a method to control slavery, on the other hand, the slaves themselves employed the most diverse strategies to achieve freedom, what shows that the manumission process was also a phenomenon which occurred typically in the rural areas
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-12-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.