• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2008.tde-26092008-174607
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Cezar Braz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Cruz, Rita de Cassia Ariza da (Presidente)
Lencioni, Sandra
Pintaudi, Silvana Maria
Título em português
Eventos/feiras de negócios na (re)produção do espaço urbano da metrópole: estudo de caso do Parque Anhembi e Centro de Exposições Imigrantes
Palavras-chave em português
Espaço
Eventos
Feiras de negócios
Representação
Turismo
Resumo em português
A produção do espaço urbano, no plano do espaço físico, é a materialização das intenções e determinações de múltiplos agentes, os quais conduzem os destinos da cidade pelos desígnios do capital, orientando-a para um planejamento autofágico que promove a imagem da eficiência, uma representação do espaço que produzida com o intuito de vender a cidade, reforça as características de cidade global e abre possibilidade para a atuação dos agentes econômicos que põem em prática suas táticasestratégias de reprodução do capital no espaço. O conceito, o consenso que se produz sobre a cidade ou fragmentos dela, são induzidos e ao mesmo tempo indutores de estruturas, ritmos e de uma materialidade que se expressa no atual espaço capitalista, conformando os espaços de representação, que por sua vez potencializam a representação desse espaço. Tal representação reforça São Paulo como destino de eventos e de negócios. Uma lógica que revela um empresariamento da gestão urbana, um neodirigismo que aponta para a construção de uma cidade cada vez mais estranha aos que nela habitam. O capital é espacialmente seletivo e busca fixar-se nos centros mais dinâmicos da economia global. Produz-se, portanto, espaços homogêneos, fragmentados e hieraquizados. A competição mostra-se acirrada entre as cidades. O poder público, juntamente com a iniciativa privada, põem em prática diversas estratégias para a captação de grandes eventos e feiras de negócios, atraindo investimentos de toda ordem, fomentando o fluxo do turismo de negócios, segmento que corresponde ao sustentáculo de toda a cadeia de turismo da capital. Neste horizonte, estudar os grandes espaços de eventos/feiras de negócios na relação com o espaço urbano de São Paulo mostrou-se instigante. Na análise parte-se do processo de industrialização e de sua desconcentração do espaço urbano da cidade, sendo uma forma de situar o nascimento das feiras industriais. Estas feiras foram importantes para reforçar as marcas da indústria nacional, ampliando os negócios e contribuindo para inserir o Brasil no mercado mundial. O objeto da pesquisa compreende dois dos maiores recintos de eventos da cidade, o Parque Anhembi e o Centro de Exposições Imigrantes, cada um deles com suas particularidades e contexto. A análise mostra a relação desses recintos com o dinamismo da cidade em sua totalidade, envolvendo as dimensões econômica, política e social. E revela sua participação no processo de (re)produção do espaço urbano das regiões Norte e Sul, nas áreas que circundam o Parque Anhembi e o Centro de Exposições Imigrantes, respectivamente.
Título em inglês
Events/ Businesses fairs in the (re)production of the urban space in the big city: the case of Parque Anhembi and Centro de Exposições Imigrantes
Palavras-chave em inglês
Businesses fairs
Events
Representation
Space
Tourism
Resumo em inglês
The production of the urban space, in the plan of the physical space, is the materialization of the intentions and determination of agent multiples, which drive the destinies of the city for the purpose of the capital, guiding it for a autophagic planning that promotes image of the efficiency, a representation of the space that produced with the intention of selling the city, reinforces the characteristics of global city and opens possibility for the economical agents´ performance to put in practice tactics-strategies of reproduction of the capital in the space. The concept, the consensus that is produced on the city or its fragments, is induced and at the same time inductors of structures, rhythms and of a materiality that expressed itself in the current capitalistic space, conforming the representation spaces, that for its time potentiates the representation of that space. Such representation reinforces São Paulo as destiny of events and businesses. A logic that reveals a "management of the urban administration", a "neodirigismo" that appears for the construction of a city more and more "finds strange" to the that inhabit in it. The capital is spatially selective and search to fasten in the most dynamic centers of the global economy. It produces, therefore, "homogeneous spaces", "fragmented" and "hierarchized." The competition is shown intransigent among the cities. The public power together with the private initiative put into practice several strategies for the reception of great events and businesses´fairs, attracting investments of every order, fomenting the flow of the tourism of businesses, segment that corresponds to the support of the whole chain of tourism of the capital. In this horizon, to study the great spaces of events / businesses´fairs in the relationship with the urban space of São Paulo shown itself instigate.In the analysis starts itself of the industrialization process and of its distract of the urban space of the city, being a form of placing the birth of the industrial fairs. These fairs were important to reinforce the marks of the national industry, enlarging the businesses and contributing to insert Brazil in the world market.The object of the research understands two of the largest enclosures of events of the city, the Parque Anhembi and the Centro de Exposições Imigrantes, each one of them with their particularities and context. The analysis shows the relationship of those enclosures with the dynamism of the city in its totality, involving the economical, political and social dimensions. And reveals its participation in the process of (re)production of the urban space of the North and South areas, in the areas that surround the Parque Anhembi and the Centro de Exposições Imigrantes, respectively.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.