• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2018.tde-19032018-115217
Documento
Autor
Nome completo
De Leon Petta Gomes da Costa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Martin, Andre Roberto (Presidente)
Hage, José Alexandre Altahyde
Sanctis, Fausto Martin De
Valverde, Rodrigo Ramos Hospodar Felippe
Villa, Rafael Antonio Duarte
Título em português
Cooperação entre Estado-Nação e crime organizado: uma geopolítica obscura
Palavras-chave em português
Atores irregulares
Crime organizado
Estado nacional
Geopolítica
Relações internacionais
Resumo em português
O crescente fluxo de bens e de pessoas iniciado nos anos de 1980 e expandido ao longo dos anos de 1990 gerou a utópica ideia de que as fronteiras do Estado-Nação e as questões de soberania nacional acabariam por desaparecer. Este contexto e os acontecimentos crescentes envolvendo atores não estatais no cenário internacional criaram uma visão imaginária onde o Estado era tão fraco que seria incapaz de enfrentar organizações criminosas ou terroristas transnacionais. No entanto, como este estudo vai apresentar, não só o Estado está longe de estar fraco, de facto, tem vindo a utilizar essas organizações para expandir seu poder, manter sua soberania e conduzir operações clandestinas contra nações rivais. Para tanto foi usada extensa bibliografia baseada em documentos e livros, documentos vazados, entrevistas com pessoas relacionadas ao tema ao redor do mundo além de observação pessoal de campo. Demonstrando que o uso de atores irregulares, especialmente o Crime Organizado, é apenas mais um passo na evolução da guerra e uma importante ferramenta de procuração na geopolítica internacional.
Título em inglês
Cooperation between Nation-State and organized crime: a dark geopolitics
Palavras-chave em inglês
Geopolitics
International relations
Irregular actors
National State
Organized crime
Resumo em inglês
The increasing process flow of goods and people started in the 1980s and expanded over the years of 1990 generated the utopic idea that the Nation-State borders and national sovereignty issues would eventually disappear. This context and the growing events surrounding non-state actors in the international scenario created an imaginary view where the State was so weak that would be incapable to face transnational criminal or terrorist organizations. However, as this study will present, not only the State is far from being a weak in fact it has been using such organizations to expand its power, maintain its sovereignty and conduct clandestine operation against rival nations, for that it was covered an extensive bibliography based on papers and books, leaked documents, interviews with people related to the area across the world and field observation. It demonstrated that the use of irregular actors, especially Organized Crime, is just another step in the evolution of warfare and an important proxy tool in international geopolitics.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-03-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.