• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2011.tde-03052012-093539
Documento
Autor
Nome completo
Vivian Fernanda Mendes Merola
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Costa, Wanderley Messias da (Presidente)
Cataia, Marcio Antonio
Contel, Fabio Betioli
Título em português
Gestão ambiental nas indústrias de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos do Estado de São Paulo: uma nova perspectiva para a atuação ambientalmente responsável
Palavras-chave em português
Indústria
Meio ambiente
Sistema de gestão ambiental
Resumo em português
A atuação do setor produtivo no cenário ambiental e a crescente preocupação com o meio ambiente acarretam uma pressão, dos diferentes atores sociais, que recai sobre o setor produtivo em geral. Existem também as novas pressões comercial/ ambiental dos países chamados ecosensíveis. Neste cenário, as empresas veem-se cada vez mais obrigadas, pelos mecanismos legais ou pela pressão social, a adaptarem-se aos novos padrões de comportamento, adotando políticas e planejamento empresarial ambientalmente corretos. Em decorrência de todos os avanços da ciência e tecnologia na mitigação e prevenção dos passivos ambientais, as mudanças no setor produtivo não tardaram a acontecer. Obviamente, o processo de adequação às normas e legislação ambiental ainda não está presente em 100% das indústrias brasileiras. Ao contrário, verifica-se, sobretudo nas empresas de pequeno e médio portes, um distanciamento na introdução de medidas de adequação ambiental em seus processos produtivos. Atualmente, percebe-se uma tendência das grandes empresas em associar seus produtos a uma imagem institucional de respeito ao meio ambiente. Essa preocupação exige novas atitudes em razão das consequências que a atividade econômica tem sobre o meio natural. Na esteira de tal processo, a implantação dos sistemas de gestão ambiental se revela como uma ferramenta para minimizar os efeitos negativos da indústria. Este trabalho objetiva identificar os fatores que determinam as mudanças de paradigma das indústrias, em geral, e mais especificamente, no setor de perfumaria e cosméticos da indústria paulista. O setor de perfumaria e cosméticos foi escolhido por representar um ramo crescente da indústria química, que investe em tecnologias e busca firmar, através de algumas grandes corporações, uma imagem ambientalmente aceita no cenário nacional e internacional. Outro fator que justifica essa escolha é o seu crescimento econômico verificado nas duas últimas décadas, apresentando dados consideráveis na geração de empregos diretos e indiretos, na balança comercial brasileira, além de sua extensa cadeia de fornecedores.
Título em inglês
Environmental management in industries toiletries, fragances and cosmetics of state of São Paulo: a new perspective for responsible environmental action
Palavras-chave em inglês
Environment
Environmental management system
Industry
Resumo em inglês
The performance of the productive sector in environmental scenario and the growing concern for the environment cause a pressure of different social actors, which falls on the productive sector in general. There are also new pressures on trade/ environment of the countries called "ecosensíveis". In this scenario, companies have increasingly seen themselves obliged, either by legal mechanisms, or by social pressure, adapt to new patterns of behavior, policies and adopting environmentally friendly business planning. Because of all the advances in science and technology in the mitigation and prevention of environmental changes in the manufacturing sector did not take long to happen. Obviously, the process of regulatory compliance and environmental legislation is not yet present in 100% of Brazilian industries, on the contrary, there is, especially small and medium-sized gap in an introduction of environmental adequacy in their production processes. Currently, we can see a trend of large companies to link their products to the institutional image of respect for the environment. This concern requires new attitudes because of the impact that economic activity has on the natural environment. Following this process, the implementation of environmental management systems is revealed as a tool to minimize the negative effects of industry. Focusing on this issue, this paper aims to identify the factors that determine the paradigm shifts of the industries in general, but more specifically in the sector of perfumery and cosmetics industry in São Paulo.The Perfumes and Cosmetics sector was chosen because it represents a growing sector of the chemical industry, which invests in technology and seeks to establish some large corporations through a imaging environmentally accepted in national and international scene. Another factor that justifies this choice is its economic growth seen in the last two decades, with considerable data to generate direct and indirect jobs in the Brazilian trade balance, in addition to its extensive supply chain.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-05-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.