• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2011.tde-17102011-102923
Documento
Autor
Nome completo
Isabel Barbosa dos Anjos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Galvani, Emerson (Presidente)
Borsato, Victor da Assunção
Ferreira, Maria Eugenia Moreira Costa
Silveira, Hélio
Tommaselli, José Tadeu Garcia
Título em português
Análise de internações por doenças do aparelho respiratório, pacientes residentes em Maringá-PR: relações com o espaço urbano e a variabilidade climática
Palavras-chave em português
Clima
Doenças respiratórias
Maringá
Saúde
Temperatura
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi analisar o número absoluto das internações por doenças do aparelho respiratório (J00-J99), em pacientes residentes em Maringá, localizada ao norte do Paraná-Brasil, com latitude 23º30 S e longitude 52º00 W, com altitude entre 542 a 600 metros acima do nível do mar. Trata-se de um estudo ecológico de séries temporais, para o período compreendido entre 2000 a 2007. Foram selecionados alguns itens, como: infecções agudas das vias aéreas superiores, influenza e pneumonias, outras infecções agudas das vias aéreas inferiores, outras doenças das vias aéreas superiores, doenças crônicas das vias aéreas inferiores e outras doenças do aparelho respiratório. Primeiramente, as internações foram analisadas por grupo de causas, categoria, sexo, faixa etária, Zonas Municipais e em seguida, relacionada com as informações climáticas, através da climatologia dinâmica e parâmetros estatísticos. Os resultados mostraram 18.339 registros de internações e 736 registros de óbitos, para o período de estudo. As Zonas Municipais densamente populosas destacaram com maior registros de ocorrências. A faixa etária entre 0-4, 60-69 e mais de 70 anos, apresentaram grande vulnerabilidade a essa doença. A maior quantidade encontrada foi para o sexo masculino, com 54,7% dos casos e o sexo feminino com 45,3%. A maior predominância foi por influenza e pneumonias, sendo responsável por 59,0% das internações. Foi verificada menor intensidade de internações em janeiro e maior para junho e julho, devido a vários fatores, como: diminuição da precipitação pluvial, a atuação mais ativa da massa Polar atlântica (mPa), que provoca quedas bruscas de temperatura e umidade relativa do ar. Com base nas investigações realizadas, foi observada correlação significativa entre os controles climáticos e as internações por doenças respiratórias, em Maringá.
Título em inglês
Analyzis of hospitalizations due to diseases in the respiratory system, patients living in Maringá-PR: statement with the space pulite and climatic variability
Palavras-chave em inglês
Climate
Health
Maringá
Respiratory diseases
Temperature
Resumo em inglês
This study was carried out to analyze hospitalizations due to diseases in the respiratory system (J00-J99) of patients living in Maringá, located in the north part of Paraná-Brazil, at latitude 23°30 S and longitude 52°00 W at an altitude between 542 to 600 meters above sea level. This is an ecological study in time series from 2000 to 2007. Was selected some tems, such as acute upper airway infections, influenza , and pneumonia, other acute lower airway infections, other upper airway diseases, chronic lower respiratory diseases, and other diseases of the respiratory tract. First, of hospitalizations was analyzed by group of cause, sex, age groups, Municipal Zones and then it was verified in related with the information climatic, from the dynamics climatologic and statistical parameters. The results showed 18.339 records of hospitalizations and 736 records of deaths during this period of study. More densely populated Municipal Zones had of greater register of occurrences. The age group between 0-4 years, 60-69 and above 70 years had greater vulnerability to this disease. There were more cases for the masculine gender with 54,7% than for the feminine gender with 45,3%. The highest prevalence was influenza and pneumonia, accounting for 59% of these hospitalizations. Was verified less intensity of hospitalizations in january and greater for june and july, due to several factors such as: reduced rainfall, as the Polar Atlantic Mass (PAM) being more active, which causes the sudden drops in temperature and relative humidity in the air. Based on investigations, it was observed correlation significant between climatic control and the hospitalizations by respiratory problems, in Maringá.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-10-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.