• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-13112015-133707
Documento
Autor
Nome completo
Wagner Ferreira Vilano
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Souza, Celia Regina de Gouveia (Presidente)
Galvani, Emerson
Pinheiro, Marcelo Antonio Amaro
Título em português
Aspectos biogeográficos e paleogeográficos de costões rochosos de Ubatuba - São Paulo
Palavras-chave em português
Costão rochoso
Holoceno
Variações do nível do mar
Vermetideos
Zonação vertical
Resumo em português
Dentre os ecossistemas presentes na região entre-marés e habitats da zona costeira, os costões rochosos são considerados um dos mais importantes por conter uma alta riqueza de espécies de grande importância ecológica e econômica. Desta forma estudos biogeográficos e paleogeograficos são importantes ferramentas para o entendimento dos padrões de distribuição da biota: o espaço (área geográfica de ocorrência dos organismos), o tempo (eventos históricos que influenciaram os padrões atuais de ocorrência) e a forma dos grupos de organismos. Este estudo teve como objetivo principal abordar a distribuição da biota relacionando-a com a geologia e a morfologia dos costões rochosos alem de caracterizar a presença de indicadores de paleoníveis marinhos de três costões rochosos localizados nas Baías do Flamengo e da Fortaleza, em Ubatuba (SP). Os resultados desse estudo indicam que as distribuição da fauna foi muito homogênea sendo encontrado em todos os costões estudados as cracas do genêro Chtamalus, Balanus e Tetraclita, moluscos do genêro Thais, Littorina (mais abundantes), alem de colonias de Phragmatopoma e extensas bancos de algas do gênero Sargassum que estiveram presentes durante toda amostragem. A ocupação das zonas pela biota vai depender mais do declive da rocha do que da composição mineralógica, juntamente com o regime de ondas atuante no local, que vai ditar a amplitude das faixas de ocupação dos organismos, essa inclinação da rocha pode diretamente interferir nos padrões de distribuição, alterando a taxa de substituição das espécies. Um grupo de moluscos gastrópodes vermetideos do gênero Petaloconchus merece especial destaque, pois, foi registrada a primeira ocorrência deste grupo no Estado de São Paulo, além disso seu remanescentes fósseis são importantes indicadores de paleoníveis marinhos. As estimativas de variações de nível do mar foram mais eficientes com a utilização de vermetídeos e paleotocas de ouriços somada as medições de campo dos vermetideos vivos e sua localização geográfica, permite determinar paleoníveis mais precisos, foram registrados níveis mais elevados no período de 3810 ± 30 Cal. anos AP, atingindo o máximo de 3,87m ± 0,5 m e o menor em 1340 ± 30 Cal. anos AP, registrando 1,00m ± 0,5 m.
Título em inglês
Biogeographic and paleogeographic aspect of Ubatuba's rocky coast (São Paulo)
Palavras-chave em inglês
Holocene
Rocky coast
Sea level changes
Vermetid
Vertical zonation
Resumo em inglês
Among the ecosystems in the region and intertidal habitats of the coastal zone, the rocky shores are considered one of the most important because it contains a high number of species of great ecological and economic importance. Thus paleogeographic and biogeographic studies are important tools for understanding the distribution patterns of biota: space (geographical area of occurrence of organisms), time (historical events that influenced the patterns of occurrence) and the form of groups of organisms.The present study aimed to approach the distribution of biota relating it to the geology and morphology of rocky coasts in addition to characterize the presence of indicators of marine paleolevels three rocky shores located in Bays Flamengo and Fortaleza, Ubatuba (SP) . The results indicate that the distribution of the fauna was very homogeneous being found in all the studied shores, barnacles of the genus Chtamalus, Balanus and Tetraclita, clams genus Thais, Littorina (most abundant), in addition to extensive colonies Phragmatopoma and banks Sargassum algae that were present during the whole sampling. The occupation of areas for biota will depend more on the slope of the rock that the mineralogical composition, together with the active wave regime in place that will dictate the extent of occupancy ranges of organisms, the inclination of the rock can directly interfere with the patterns distribution changing the rate of substitution of species. A group of gastropod mollusks vermetids of the genus Petaloconchus deserves special mention because it was the first recorded occurrence of this group in the State of São Paulo, besides its fossil remains are important indicators of marine paleolevels. Estimates of changes in sea level were more efficient with the use of vermetid and paleotocas urchins added field measurements of vermetid alive and their geographic location, to determine paleolevels most accurate, highest levels were recorded in the period 3810 ± 30 Cal. years BP, reaching a maximum of 3.87 m ± 0.5 m lower in 1340 ± 30 Cal. years BP, registering 1.00 m ± 0.5 m.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-11-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.