• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2011.tde-05062012-160404
Documento
Autor
Nome completo
Giancarlo Marques Carraro Machado
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Frúgoli Junior, Heitor (Presidente)
Hikiji, Rose Satiko Gitirana
Toledo, Luiz Henrique de
Título em português
De "carrinho" pela cidade: a prática do street skate em São Paulo
Palavras-chave em português
citadinidade
espaços urbanos
redes de relações
skate
sociabilidade urbana
Resumo em português
A pesquisa parte da análise dos múltiplos sentidos atribuídos à prática da modalidade street skate em São Paulo. Por meio da etnografia pretende-se evidenciar não só aspectos em torno do exercício de uma prática esportiva, mas, sobretudo, as implicações em virtude dos usos e apropriações dos espaços urbanos por parte dos citadinos. De uma forma bem ampla, vislumbra-se mostrar como a cidade pode ser lida e ordenada simbolicamente por meio de um olhar skatista. A partir do trabalho de campo realizado pretendeu-se descrever, analisar e acompanhar até onde fosse possível o que perpassou as redes criadas através de um evento chamado Circuito Sampa Skate. Nesse sentido, ao pesquisar os diversos lugares skatáveis da cidade e seus respectivos picos, a referência etnográfica não é um único espaço ou aglutinações de pessoas, mas sim, uma multiplicidade de espaços e de atores que se encontram articulados por meio de redes mais amplas de relações. Desse modo, tem-se a chance de relacionar os distintos recortes inseridos no universo do street skate em São Paulo, sendo esse não definido a priori, mas construído a partir de discursos, práticas e representações heterogêneas, e em meio a uma dinâmica relacional que se manifesta situacionalmente.
Título em inglês
The practice of street skate in São Paulo
Palavras-chave em inglês
cities
networks
skateboarding
urban sociability
urban spaces
Resumo em inglês
This study part of the analysis of the multiple meanings attributed to the practice of street skateboarding in São Paulo. Through ethnography aims to highlight not only issues surrounding the practice of a sport, but mainly the implications of the uses and appropriations of urban space; and how the city can be read symbolically and ordered through a olhar skatista. From the fieldwork was intended to describe, analyze and follow as far as possible what was passed overt the networks created through an event called Circuito Sampa Skate. In this sense, to research the various lugares skatáveis of the city and their respective picos, the reference is not an ethnographic single space or clumps of people, but rather a multiplicity of spaces and actor that are articulated through wider networks of relations. Thus, there is a chance to relate the different cuttings of the universe of street skateboarding in São Paulo, this is not defined a priori, but constructed out of discourses, practices and representations heterogeneous, and in the middle of a dynamic relational manifested situationally.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-06-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.