• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2008.tde-04072008-140131
Documento
Autor
Nome completo
Renata Bortoletto Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Silva, Marcio Ferreira da (Presidente)
Amoroso, Marta Rosa
Carvalho, Silvia Maria Schmuziger de
Pereira, Joao Baptista Borges
Poz Neto, Joao Dal
Título em português
Os Chiquitano de Mato Grosso: estudo das classificações sociais em um grupo indígena da fronteira Brasil-Bolívia
Palavras-chave em português
Antropologia
Chiquitano
Identidade Social
Índios da América do Sul
Parentesco
Resumo em português
Este trabalho apresenta uma reflexão baseada em pesquisa bibliográfica e etnográfica a respeito das formas de socialidade dos Chiquitano, grupo indígena da família lingüística Chiquitano que habita a região da fronteira mato-grossense com a Bolívia. Mesmo com uma expressiva população em território brasileiro, de cerca de 2.000 indivíduos, apenas recentemente esses índios foram reconhecidos pelo órgão indigenista oficial por ocasião de uma perícia realizada em suas terras. Com base em uma pesquisa bibliográfica apoiada no levantamento das fontes documentais de origens diversas sobre a longa história de contato, que remonta ao século XVI, é aqui efetuada uma análise que possibilita mapear certas características dos contatos dos Chiquitano com as populações vizinhas, ao mesmo tempo em que procura circunscrever um conjunto de denominações atribuídas a eles ao longo destes anos. A partir de uma pesquisa etnográfica de campo é efetuada uma descrição da constituição dos grupos locais denominados de Fazendinha, de Vila Nova e de Santa Luzia, em especial quanto às relações de parentesco, de casamento e de compadrio, com enfoque no modo de inserção de estrangeiros ao grupo. Do mesmo modo, o xamanismo e a escola são estudados com o objetivo de refletir sobre os espaços de abertura para o outro, integrando aspectos sociológicos e cosmológicos de um grupo ainda pouco conhecido pela Etnologia Brasileira.
Título em inglês
The Chiquitano of Mato Grosso: a study of the social classifications in an indigenous group from the Brazil-Bolivia border region
Palavras-chave em inglês
Anthropology
Chiquitano
Kinship
Social Identity
South American Indians
Resumo em inglês
This study presents a reflection based on bibliographic and ethnographic research into the forms of sociality of the Chiquitano, an indigenous group of the Chiquitano linguistic family that inhabits the border region of the Brazilian state Mato Grosso with Bolivia. Despite having a substantial population in Brazilian territory, of around 2,000 individuals, only recently were these Indians recognised by the official agency for indigenous peoples following an investigation performed on their land. Based on bibliographic research of documental sources of various origins about the long history of contact with the group, dating back to the 16th century, an analysis is carried out to enable the mapping of certain characteristics of the contacts between the Chiquitano and the neighbouring populations. At the same time the study attempts to determine a set of denominations attributed to the group throughout these years. Based on ethnographic field research a description is made of the constitution of the local groups named Fazendinha, Vila Nova and Santa Luiza, especially as regards relations of kinship, marriage and companionship, focused on the form of inserting outsiders into the group. Similarly, the shamanism and the school are studied in order to draw conclusions about the spaces of access to the other, integrating sociological and cosmological aspects of a group which remains largely unknown by Brazilian Ethnology.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-07-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.