• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2009.tde-03022010-102032
Documento
Autor
Nome completo
Paula Wolthers de Lorena Pires
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Silva, Marcio Ferreira da (Presidente)
Poz Neto, Joao Dal
Sztutman, Renato
Título em português
Rikbaktsa: um estudo  de parentesco e organização social
Palavras-chave em português
Macro-Jê
MaqPar
Organização social
Rikbaktsa
Sistema de parentesco
Resumo em português
Esta dissertação de mestrado tem como objeto de pesquisa a população indígena Rikbaktsa, ou Canoeiros, como são conhecidos na região. Localizados no sudoeste amazônico, a noroeste do estado de Mato Grosso (Bacia do Juruena), têm um contingente populacional de aproximadamente 1200 habitantes. São filiados ao tronco lingüístico Macro-Jê e dividem-se em metades exogâmicas agnáticas organizadas em clãs patrilineares. O estudo em questão constitui-se de uma ampla pesquisa bibliográfica, revisão e sistematização dos dados Rikbaktsa, procurando colocar em diálogo os textos e materiais já produzidos sobre esta população, bem como estabelecer comparações com pesquisas realizadas sobre outras etnias Jê-Bororo. Uma ferramenta computacional (MaqPar) também contribuiu para produzir novas descrições sobre o sistema empírico de aliança Rikbaktsa. Deste modo, procurou-se debater a fundo temas relacionados à organização e morfologia social, pertencimento Rikbaktsa ao tronco lingüístico Macro-Jê e sistema de parentesco e terminologia.
Título em inglês
Rikbaktsa: a study of kinship and social organization
Palavras-chave em inglês
Kinship
Macro-Jê
MaqPar
Rikbaktsa
Social organization
Resumo em inglês
This masters thesis has the Rikbaktsa indigenous society, or Canoeiros - as they are locally known - as the research object. Located on the southwest of the Amazonian range, on the north-west of the state of Mato Grosso, the Rikbaktsa people comprise a population of approximately 1200 individuals. They are filiated to the linguist trunk of Macro-Jê and are equally divided into exogamic moieties organized into fatherhood clans. This research consist of an ample bibliographic account as well as a review and systematization of available data on the Rikbaktsa people, aiming not only to expose research and materials that has been produced regarding this society but also to establish a comparative interpretation with research carried out with other Jê-Bororo ethnic groups. In addition, a computational tool (MaqPar) has contributed to the production of new descriptions about the empirical system of alliance Rikbaktsa. Thus, this research has envisaged a thorough discussion of the social organization and morphology, the Macro-Jê linguist trunk within the Rikbaktsa society and its system of kinship along with the terminology associated.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-02-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.