• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2014.tde-22012015-185152
Documento
Autor
Nome completo
Alan Delazeri Mocellim
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Bruni, Jose Carlos (Presidente)
Augusto, Maria Helena Oliva
Santos, Laymert Garcia dos
Sell, Carlos Eduardo
Telles, Vera da Silva
Título em português
Ciência, Técnica e Reencantamento do Mundo
Palavras-chave em português
Ciência
Desencantamento do mundo
Max Weber
Reencantamento do mundo
Tecnologia
Resumo em português
A ciência teve um papel central naquilo que Max Weber chamou de desencantamento do mundo. O mundo da ciência é um mecanismo causal, um mundo de causas e efeitos inteligíveis, que funciona conforme leis racionais. Este é um mundo onde magia e religiões são banidas para o horizonte do irracional, e onde apenas o que é calculável e aplicável é racional. Ciência e técnica não podem conferir sentido a um mundo concebido dessa forma. No entanto, nos dias de hoje, nos deparamos com discursos que afirmam justamente o contrário, e o mais instigante neles é o fato de compreenderem a ciência e a tecnologia como os elementos principais que possibilitam um reencantamento do mundo. Visamos com este projeto apresentar uma sistematização das teorizações cujo foco é o reencantamento do mundo pela via científica e tecnológica mas não nos limitaremos a tal apresentação sistemática. Temos como objetivo mais amplo e central uma análise crítica de tais teorizações, que evidencie não apenas seus temas, enfoques e argumentos, mas também suas deficiências e impasses no que se refere ao diagnóstico que fazem do papel da ciência e da tecnologia no mundo contemporâneo
Título em inglês
Science, technology and re-enchantment of the world
Palavras-chave em inglês
Disenchantment of the world
Max Weber
Re-enchantment of the world
Science
Technology
Resumo em inglês
Science has played a central role in what Max Weber called the disenchantment of the world. The world of science is a causal mechanism, a world of intelligible causes and effects which works according to rational laws. This is a world where magic and religions are banished to the horizon of the irrational, and where only what is calculable and usefull is rational. Science and technology cannot give meaning to a world conceived that way. However, nowdays, we face discourses that claim precisely the opposite, and the most exciting is the fact that they claim the science and technology as the key elements that enable to re-enchantment of the world. We aim with this project present a systematization of theories whose focus is the re-enchantment of the world through scientific and technological means but we will not limit ourselves to a systematic presentation. We have as a broader and central objective a critical analysis of such theories, evidencing not only their themes, approaches and arguments, but also its shortcomings and dilemmas regarding the diagnosis of the role of science and technology in the contemporary world
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-01-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.