• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2014.tde-22012015-184049
Documento
Autor
Nome completo
Celia da Graça Arribas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Prandi, Jose Reginaldo (Presidente)
Gouveia, Eliane Hojaij
Lewgoy, Bernardo
Lima, Marcelo Ayres Camurça
Mariano, Ricardo
Título em português
No princípio era o verbo: espíritas e espiritismos na modernidade religiosa brasileira
Palavras-chave em português
Espiritismo kardecista
Intelectuais da religião
Pluralismo religioso
Secularização
Resumo em português
Dentro do movimento de pluralização confessional ensejado pela secularização (característica da modernidade religiosa brasileira), recorto para fins de estudo um processo mais específico, a saber: o de adensamento institucional do espiritismo kardecista entre as décadas de 1920 e 1960. Por meio do exame de trajetórias de agentes de relevância desse segmento e de sua produção intelectual religiosa, a análise que se pretendeu realizar levou em consideração as disputas materiais e simbólicas entre formas distintas de visões espíritas de mundo. Sob esse enquadramento, o objetivo foi o de compreender e explicar como são articulados os sistemas de crenças espíritas e quais são as fontes de autoridade em jogo. Foram abertas duas frentes de trabalho. A primeira delas consistiu basicamente na reconstituição histórica de algumas coordenadas importantes para a compreensão tanto do cenário quanto do elenco espíritas. Na segunda, foi levado a cabo um trabalho de definição sociológica do que poderia vir a ser um clero espírita, e mais particularmente, quais os contornos que caracterizam os diferentes papéis desempenhados pelos vários atores em cena
Título em inglês
In the beginning was the Word: spiritists and spiritism in the religion of Brazil in modern age
Palavras-chave em inglês
Kardecist Spiritism
Religious Intellectuals
Religious pluralism
Secularization
Resumo em inglês
Within the movement of confessional pluralization led by secularization (a characteristic of Brazilian religious modernity), I circumscribe, for the purpose of this study, a more specific process, namely, the institutional densification of Kardecist Spiritism between the decades of 1920 and 1960. Through the examination of trajectories of relevant agents in this segment and their religious intellectual production, the analysis took into account the material and symbolic disputes between distinct forms of spiritist worldviews. Through this prism, the objective was to understand and explain how spiritist belief systems are articulated and what are the actual sources of authority. There are two work fronts. The first one basically consists in a historical reconstitution of some important coordinates for the understanding of both the scenery and the spiritist cast. On the second work front, the purpose was to build a sociological definition of what could be a spiritist clergy, and, more particularly, what outlines characterize the different roles played by the various actors on the scene
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-01-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.