• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2014.tde-05032015-104355
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Andrade Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Augusto, Maria Helena Oliva (Presidente)
Evelyn, Suzanna Sochaczewski
Ferreira, Leda Leal
Guimaraes, Nadya Araujo
Soares, Angelo dos Santos
Título em português
Fazendo a vida fazendo unhas: uma análise sociológica do trabalho de manicure
Palavras-chave em português
Atividade de trabalho
Condições de trabalho
Interação pessoal
Manicure
Salão de beleza
Resumo em português
O objetivo desta tese é apresentar a análise da interação social como um meio de explicar a atividade de trabalho de manicure e a forma social que assume no Brasil. Por meio do relato das manicuras, examina as condições interacionais nas quais o trabalho é realizado associando-as às suas condições de contratação. A explicação se passa dividida em dois momentos: um sobre como o trabalho acontece e outro sobre como o trabalho é organizado socialmente, isto é, as relações sociais que o mantêm sem uma imagem profissional, mal remunerado e precário ante os riscos à saúde para trabalhadoras(es) e clientes. O primeiro capítulo apresenta dados socioeconômicos sobre o setor de embelezamento pessoal no Brasil e como o serviço de manicure tem sido abordado na literatura sociológica, verificando como os conceitos de trabalho emocional, trabalho estético e trabalho corporal foram formulados e aprimorados para explicar o trabalho nos serviços interpessoais, nos quais se incluem os serviços de beleza pessoal. A partir das questões presentes e ausentes dessa bibliografia, o segundo capítulo apresenta a pesquisa de campo e os pressupostos teóricos que formam a análise. O terceiro refere-se às condições do emprego de manicura encontradas na pesquisa de campo, destacando a influência do contrato de trabalho estabelecido na atividade de trabalho. Comenta-se o serviço de manicure em Montréal comparando-o em linhas gerais com o brasileiro. O quarto capítulo é dedicado a propor a interação face-a-face como um aspecto central da atividade de trabalho em serviços interpessoais, e o faz por meio da análise do relato das manicuras sobre o próprio trabalho. Por fim, o último capítulo traça algumas considerações sobre o que as interações sociais do trabalho de manicurar e as suas condições de emprego dizem da sociedade em que as manicuras trabalham e vivem
Título em inglês
Making life doing nails: a sociological analysis of manicure service
Palavras-chave em inglês
Beauty services
Manicure
Manicurist
Service interaction
Work activity
Work conditions
Resumo em inglês
This thesis aims to present an analysis of social interaction as a way to explain the work activity of manicurists and the social form it takes in Brazil. From the accounts detailing the experiences of manicurists, this thesis examines the interactive conditions in which work is performed, by associating these to the conditions of employment of workers in this sector. The analysis is conducted on two levels: the first about how work happens; the second on how work is socially organized, discussing how social relations prevent manicurists from obtaining a professional image and good salaries, and subject them to precarious labor conditions and higher health risks than other Brazilian workers and consumers. The first chapter provides socioeconomic data about the beauty industry and beautification services in Brazil, including manicures. This includes a literature review that examines how the concepts of "emotional labor", "aesthetic labor" and "body work" are formulated and refined to explain the work in interpersonal services, of which personal beauty services are part. From this review, the second chapter sets out the theoretical assumptions and fieldwork that build the analysis. The third chapter examines the conditions of employment found in the field research, highlighting the influence of the labor contract on work activity. This chapter also includes an analysis of the social form of work in the manicure sector in Montreal to identify differences with Brazil. The fourth chapter examines the face-to-face interaction with clients as a central aspect of work activity in interpersonal services by analyzing the personal reports of manicurists about their work experience. Finally, the last chapter gives consideration to how the nature of service interactions and labor conditions of manicurists reflects how social relations are constructed in wider Brazilian society
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-03-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.