• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2009.tde-01022010-173158
Documento
Autor
Nome completo
Maria Carolina de Vasconcelos Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Comin, Alvaro Augusto (Presidente)
Botelho, Isaura
Pinheiro Filho, Fernando Antonio
Título em português
Instituições e públicos culturais: um estudo sobre mediação a partir do caso SESC-São Paulo
Palavras-chave em português
Consumo de cultura
Instituições culturais
Mediação cultural
Práticas culturais
SESC-São Paulo
Resumo em português
Esta pesquisa parte de um estudo de caso do SESC-São Paulo, em três de suas unidades Pinheiros, Pompéia e Itaquera e busca entender se e como essa instituição atua no sentido de ampliar e diversificar o conjunto de práticas culturais dos seus freqüentadores, alterando, assim, sua relação com o universo da cultura. O trabalho busca iluminar as características e dinâmicas envolvidas no chamado processo de mediação, a partir do qual a instituição cultural aproxima diversos tipos de conteúdos culturais de seus potenciais públicos. Para tanto, parte-se de uma visão da prática cultural como uma relação construída mutuamente: se, de um lado, ela é influenciada por características como condição sócio-educacional dos freqüentadores, de outro lado, os valores e diretrizes construídos historicamente no âmbito do SESC-São Paulo e a forma como as unidades mobilizam suas estratégias de mediação também importam. Este trabalho pretende colaborar tanto para o campo dos estudos sociológicos sobre práticas e públicos culturais, cujo desenvolvimento ainda é incipiente no país, quanto para instituições públicas e privadas comprometidas com questões como a ampliação do acesso à cultura, a formação de públicos e a educação via cultura.
Título em inglês
Cultural institutions and cultural publics: a study of mediation from the case SESC-São Paulo
Palavras-chave em inglês
Cultural consumption
Cultural institutions
Cultural mediation
Cultural practices
SESC-São Paulo
Resumo em inglês
Analyzing three unities of SESC-São Paulo (Pinheiros, Pompéia and Itaquera) as a case-study, this study aims to understand whether and how this institution enlarges and diversifies the set of cultural practices of its users. The goal is to outline the characteristics and dynamics involving the so-called mediation process, through which the institution approaches a diversity of cultural products and its potential audiences. The author, therefore, relies on a concept of cultural practice as a mutually-constructed relation: on the one hand, it is influenced by the social and educational conditions of the individual and, on the other hand, by values and policies held by the institution (in this case, SESC-São Paulo). This research intends to collaborate both with sociological field of cultural practices and audiences and with the improvement of public or private organizations engagement in promoting access to culture, formation of audiences and education through cultural activities.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-07-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.