• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.74.2018.tde-25052018-144345
Documento
Autor
Nome completo
Jessica Rodrigues Orlandin
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2018
Orientador
Banca examinadora
Ambrósio, Carlos Eduardo (Presidente)
Feitosa, Matheus Levi Tajra
Freitas, Silvio Henrique de
Mattos, Luiz Henrique Lima de
Título em português
Tratamento de doença de disco intervertebral crônica em cães utilizando células-tronco derivadas da membrana amniótica
Palavras-chave em português
Âmnio
Discopatia
Lesão medular
Terapia celular
Resumo em português
As doenças de disco intervertebrais (DDIV) representam a maior parte de atendimentos neurológicos e são responsáveis pela maioria dos casos de paralisia em cães. Os tratamentos utilizados atualmente não demonstram resultados satisfatórios em pacientes com manifestações neurológicas mais graves. A fim de promover recuperação nervosa e motora, além de melhora na qualidade de vida, o presente trabalho objetivou criar um protocolo, através de um ensaio duplo cego, associando cirurgia descompressiva e transplante alogênico de células-tronco (CT) derivadas da membrana amniótica em cães com DDIV crônica. As mesmas células já foram caracterizadas anteriormente como mesenquimais fetais e apresentaram-se seguras para aplicação. Foram selecionados oito cães, onde quatro já passaram por cirurgia e receberam três aplicações epidurais de células-tronco. Os outros quatro animais foram submetidos à cirurgia descompressiva e divididos aleatoriamente (teste duplo cego) em dois grupos: "cirurgia + placebo", o qual recebeu apenas solução fisiológica; e "cirurgia + CT", que recebeu a terapia celular. Durante o procedimento cirúrgico, foi realizado a aplicação por gotejamento sobre a lesão, e após quinze e quarenta e cinco dias foram realizadas outras duas aplicações, via epidural. Os animais passaram por acompanhamento quinzenal e foram reavaliados três meses após o procedimento cirúrgico, através de exames funcionais e ressonância magnética. Alguns animais apresentaram melhora neurológica significativa, como a recuperação da nocicepção e capacidade de se manter em estação. Apesar da necessidade de mais estudos, até o presente momento, a terapia celular apresentou-se factível e sem efeitos prejudiciais aos animais.
Título em inglês
Treatment of chronic intervertebral disc diseases in dogs using amniotic membrane-derived stem cells
Palavras-chave em inglês
Amnion
Cell therapy
Discopathy
Spinal cord injury
Resumo em inglês
Intervertebral disc (IVD) diseases represent the majority of neurological attendance and are responsible for the most cases of paralysis in dogs. Treatments currently used do not show satisfactory results in patients with more severe neurological manifestations. In order to promote nerve and motor recovery, as well as improve quality of life, the present study aims to create a protocol, using double-blind test method, associating spinal decompression surgery and allogeneic transplantation of amniotic membrane-derived stem cells (AMSCs) in dogs with chronic IVD diseases. Those were previously characterized as fetal mesenchymal cells and were safe for application. Eight dogs were selected, where four have already gone through surgery and received 3 epidural applications of stem cells. The other four animals were submitted to spinal decompression surgery and randomly divided into two groups (double blind test): "surgery + placebo", which received only physiological solution; and "surgery + AMSCs", which receive cell therapy. During the surgical procedure, a drip application was performed on the lesion and after fifteen and forty five days another two applications were made via epidural. Animals were monitored biweekly and were reassessed three months after surgery, by functional tests and magnetic resonance exams. Some animals presented significant neurological improvement, such as the recovery of nociception and ability to remain on station. Despites the need further studies, until the present moment, cell therapy has been feasible and has no harmful effects on animals.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ME9149882COR.pdf (2.43 Mbytes)
Data de Publicação
2018-05-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.